publicidade

São Paulo sofre derrota amarga para o Vasco e acumula quatro tropeços seguidos

O São Paulo foi goleado pelo Vasco da Gama na noite deste sábado, por 4 a 1, de virada, em São Januário, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro . André Silva abriu o placar para o Tricolor. Alan Franco, contra, Guilherme Estrella, que fez sua estreia como jogador profissional, Leandrinho e David balançaram as redes para o Cruzmaltino. Com o resultado, o São Paulo chegou ao quarto tropeço seguido na temporada, encerrando a sequência de quatro jogos em dez dias de maneira indesejada e ficando cada vez mais distante das primeiras colocações do Campeonato Brasileiro. O Vasco, por sua vez, reagiu no torneio por pontos corridos, deixando a zona de rebaixamento com uma atuação de superação e acabando com uma sequência de cinco jogos sem vitória. O São Paulo volta a entrar em campo na próxima quinta-feira, às 20h (de Brasília), contra o Criciúma, no Morumbis, pelo Campeonato Brasileiro. Já o Vasco terá pela frente o Bahia, na Arena Fonte Nova, um dia antes, na quarta-feira, às 21h30.

O São Paulo precisou de somente dez minutos para abrir o placar. Rodrigo Nestor recebeu pela esquerda e cruzou na medida para André Silva completar de cabeça, no ângulo, sem chances para o goleiro Léo Jardim, que se esticou todo, mas não conseguiu espalmar para escanteio. Aos 13, quase o segundo do Tricolor. Galoppo arrancou pela direita e cruzou rasteiro para Calleri chegar batendo de primeira, da entrada da área, mas a defesa do Vasco conseguiu fazer o desvio.

O Vasco deixou tudo igual aos 33 minutos. Adson fez a ultrapassagem pela direita, recebeu nas costas da marcação, chegou à linha de fundo e cruzou rasteiro. Diego Costa, de carrinho, conseguiu evitar que a bola parasse nos pés do atacante do Vasco, mas jogou contra o próprio gol. Igor Vinícius, por sua vez, conseguiu tirar em cima da linha, mas a bola rebateu em Alan Franco e acabou parando no fundo das redes. Mais tarde, já nos acréscimos do primeiro tempo, o Vasco conseguiu a surpreendente virada.

Buscando uma mudança tática e comportamental, o técnico Luis Zubeldía resolveu mexer no intervalo, sacando Calleri e Patryck para as entradas de Wellington Rato e Welington, respectivamente. Mas, apesar das alterações, a tônica da partida continuou a mesma do primeiro tempo. O São Paulo não conseguia ameaçar o Vasco, que, por sua vez, era mais aguerrido em campo, disputando todas as bolas e incorporando o espírito de uma verdadeira decisão. Na reta final do segundo tempo, mais precisamente aos 34 minutos, o Vasco da Gama marcou o terceiro gol para garantir a vitória sobre o São Paulo. Leandrinho, que havia acabado de entrar no jogo, recebeu pela esquerda após Alan Franco ser desarmado e originar o contra-ataque para os donos da casa, e soltou a bomba de dentro da área, sem chances para Jandrei, marcando um golaço.

Antes do apito final ainda deu tempo de o São Paulo marcar seu segundo gol na partida com Juan, completando dentro da área após Alan Franco ajeitar de cabeça, mas o árbitro marcou impedimento. Já nos acréscimos, o Vasco transformou a vitória em goleada com David, que recebeu passe de JP na entrada da área e completou sem deixar a bola cair no chão, marcando um bonito gol para fechar a conta em São Januário e garantir o triunfo no Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA VASCO DA GAMA 4 X 1 SÃO PAULO Local: São Januário, no Rio de Janeiro Data: 22 de junho de 2024, sábado Horário: 21h30 (de Brasília) Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN) Assistentes: Jean Márcio dos Santos (RN) e Luis Carlos de Franca Costa (RN) VAR: Charly Wendy Straub Deretti (FIFA - SC) Gols: André Silva, aos 10 do 1ºT (São Paulo); Alan Franco [contra], aos 33 do 1ºT, Estrella, aos 48 do 1ºT, Leandrinho, aos 34 do 2ºT, David, aos (Vasco) Cartões amarelos: Patryck (São Paulo); Estrella, Maicon (Vasco) VASCO DA GAMA: Léo Jardim; Paulo Henrique (Puma Rodríguez), João Victor, Maicon e Lucas Piton (Leandrinho); Hugo Moura (Sforza), Mateus Carvalho e Estrella (JP); Adson (Rossi), David e Vegetti. Técnico: Rafael Paiva. SÃO PAULO: Jandrei; Igor Vinícius (Ferreirinha), Diego Costa, Alan Franco e Patryck (Welington); Luiz Gustavo, Galoppo (Juan) e Lucas; André Silva, Nestor (Michel Araújo) e Calleri (Wellington Rato). Técnico: Luis Zubeldía.


VEJA TAMBÉM
- Marcos Antônio acerta com o São Paulo e almeja Seleção Brasileira
- CHAPÉU NO RIVAL? São Paulo negocia com craque do futebol europeu que está na mira do Flamengo
- A CAMINHO DO RIVAL! Com a autorização do presidente, Santos aprova contratação de ex-São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 0 0

Comentários (1)
23/06/2024 00:25:44 Gilmario Gomes

enquanto tiver colocando Diego costa como titular o são Paulo não vai ganhar mais nenhuma muito ruim esse jogador

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.