publicidade

) Técnico revela que ficou no Tricolor pela torcida

O técnico Muricy Ramalho atravessou um momento bastante complicado no São Paulo depois da eliminação nas quartas-de-final da Copa Libertadores deste ano. Apesar da pressão que sofreu para deixar o clube, o treinador decidiu ficar no Morumbi em função do apoio da torcida e do presidente Juvenal Juvêncio.

“Depois da Libertadores, eu permaneci no São Paulo pela torcida e pelo presidente, que me apoiaram a todo momento. Os torcedores gritaram meu nome”, recorda o comandante.

Muricy Ramalho chegou a receber uma excelente proposta do Internacional, mas recusou, e os gaúchos acabaram contratando Tite.

“Eu poderia ter saído por propostas boas, mas não saí. Eu faço o que tenho dentro de minhas possibilidades, mas não saio e dou a mais pelo clube. A torcida pode ter certeza de que vou dar meu melhor”, concluiu.

Juvenal Juvêncio já afirmou várias vezes nos últimos meses que garante a permanência do treinador para a próxima temporada. Muricy tem contrato com o Tricolor até dezembro de 2009.

VEJA TAMBÉM
- VAI PRO RIVAL? Chegada de James Rodríguez a um rival após rescisão com São Paulo tem aprovação da torcida
- A CAMINHO DO RIVAL? São Paulo e Corinthians buscando a contratação de meia do Santos
- EMPATE FORA DE CASA! São Paulo não mantém sequência de vitórias e tem prejuízos na sequência do Brasileirão


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 7 6

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.