publicidade

Bosco é absolvido e retorna ao Palestra

Goleiro será reserva de Rogério Ceni no Choque-Rei de domingo

Bosco, goleiro reserva do São Paulo, está liberado para encarar o Palmeiras no próximo domingo à tarde, no Palestra Itália. Nesta sexta, o jogador foi absolvido, por unanimidade, pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

O são-paulino foi ao banco dos réus devido um desentendimento na partida contra o Ipatinga, no Ipatingão. Na ocasião, o goleiro não quise trocar seu uniforme, pois segundo ele, não iria combinar. O árbitro da partida relatou na súmula e enquadrou o jogador no artigo 251 (Reclamar, por gestos ou palavras, contra as decisões da arbitragem ou desrespeitar o árbitro e seus auxiliares).

Caso fosse punido, Bosco poderia pegar um gancho de até quatro jogos. Esta é a segunda vitória do São Paulo no Tribunal. No começo da semana, o atacante Dagoberto já havia sido absolvido e ambos estão à disposição para o clássico.

No ano passado, Bosco teve passagem polêmica pelo Palestra Itália. O são-paulino disse ter sido agredido pela torcida palmeirense com uma pilha. No entanto, a TV LANCE! mostrou que não passava de uma simulação.

VEJA TAMBÉM
- NOVO TITULAR? São Paulo encaminha contratação de lateral titular para Zubeldía
- TOMOU DECISÃO: Zubeldía comunica ao São Paulo sobre negociação com Seleção Equatoriana
- Zubeldía esclarece sobre proposta do Equador e opinião sobre James Rodríguez


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 8 10

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.