publicidade

No retorno de Cicinho, Sampa estreia vencendo

Contra o Monterrey, time faz importante resultado e inicia briga pelo tetracampeonato com o pé direito

O dia 10 finalmente chegou e o São Paulo estreou na Copa Libertadores da América. No jogo mais importante do ano até o momento, o Tricolor venceu o Monterrey (MEX) por 2 a 0, com dois gols de Washington.

A etapa inicial teve dois momentos distintos. O primeiro deles se iniciou com o apito do árbitro Sergio Pezzotta e terminou com o gol de Washington. Neste período, que durou 12 minutos, o Tricolor dominou a partida e se manteve no campo de ataque.

Até que Marcelinho Paraíba tocou na esquerda, Jorge Wagner cruzou e o atacante Washington, com o auxílio do zagueiro Cervantes, abriu o placar para o Sampa. A partir daquele momento, o time se retraiu e apenas assistiu ao Monterrey jogar.

Explorando principalmente jogadas pelo setor direito com Medina, os mexicanos mostraram que um time sem sete titulares não tinha alma de reservas. Afinal, havia começado a Libertadores da América.

Ciente de que a vitória na estreia era fundamental, o time voltou com uma postura melhor na segunda etapa. Aos 11 minutos, Rogério Ceni bateu falta com perfeição no canto esquerdo, mas o goleiro Orozco defendeu bem.

Aos 30 minutos, Cicinho fez sua reestreia pelo São Paulo, entrando no lugar de Richarlyson. Alguns segundos depois, Hernanes cobrou escanteio na esquerda, Jorge Wagner desviou na primeira trave e Washington, com oportunismo, marcou o segundo e fechou o placar.

No fim de semana, o Sampa enfrenta o Ituano, pelo Paulistão. Já o Monterrey (MEX) faz o clássico contra o arquirrival Tigres, pelo campeonato mexicano. Já na Libertadores, o próximo compromisso do Tricolor é contra o Once Caldas (COL), dia 25, na Colômbia. Um dia antes, o Monterrey recebe o Nacional (PAR).

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 2 X 0 MONTERREY (MEX)

Estádio: Morumbi, São Paulo (SP)
Data/hora: 10/2/2010 - 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Sergio Fabián Pezzotta (ARG)
Auxiliares: Hernán Maidana (ARG) e Ricardo Casas (ARG)
Cartões Amarelos: Hernanes (SAO); Pérez (MON)
Cartão Vermelho: Não houve.
Renda/Público: R$ 1.019.971,08 / 35.523 pagantes
GOLS: Washington, aos 12'/2ºT e aos 30'/2ºT

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Renato Silva, Xandão e Miranda; Jean (Léo Lima, aos 46'/2ºT), Richarlyson (Cicinho, aos 30'/2ºT), Hernanes, Cleber Santana e Jorge Wagner; Marcelinho Paraíba (Marlos, aos 371/2ºT) e Washington. Técnico: Ricardo Gomes.

MONTERREY: Orozco, Guevara, Cervantes e Pérez; Moralles, Galindo (Luiz Rodrigues, aos 26'/2ºT), Zavala, Juan Medina e Arrelano (Martinez, aos 16'/2ºT); Val Baiano (Santana, aos 18'/2ºT) e Carreño. Técnico: Victor Manuel Vucetich.

VEJA TAMBÉM
- Provável escalação do São Paulo para enfrentar o Internacional no Brasileirão
- São Paulo Mantém postura firme e exige pagamento da multa por Galoppo
- SECA DE GOLS! Atacante atravessa fase difícil sob comando de Zubeldía no São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 7 8

Comentários (12)

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.