publicidade

Lusa, de virada, derrota São Paulo no Morumbi

Em clássico que teve pênalti perdido por Rogério Ceni, Portuguesa leva a melhor e faz 3 a 1

O primeiro clássico do Campeonato Paulista não foi um primor de técnica mas teve boas doses de emoção neste domingo, no Morumbi. A Portuguesa surpreendeu o São Paulo e venceu o adversário, de virada, por 2 a 1.

O São Paulo começou o jogo com mais ímpeto que o rival e criou as primeiras chances reais de gol. Antes mesmo de inaugurar o placar, a equipe teve uma oportunidade de ouro. Aos 26 minutos, o árbitro marcou pênalti controvertido para os donos da casa - o zagueiro Gláuber tocou a bola na mão após cruzamento de Marcelinho, porém a intenção não foi flagrante. Porém, o capitão e goleiro-artilheiro Rogério Ceni desperdiçou a cobrança. Na realidade, o goleiro Fábio, da Lusa, fez excelente defesa. No rebote, Hernanes perdeu novamente a oportunidade ao chutar para fora.

A pressão são-paulina continuou e a equipe chegou ao gol ainda na primeira etapa. Marcelinho Paraíba, que reestreou pelo clube após dez anos longe do Morumbi, acertou um chutaço de fora da área e marcou um golaço. A bola foi para no ângulo esquerdo do goleiro Fábio. O veterano jogador, de 34 anos, mostrou ainda estar em plena forma.

No segundo tempo o jogo sofreu uma guinada total. A Portuguesa chegou ao empate logo aos 9 minutos. Após cruzamento na áreak, Henrique aproveitou desvio e completou para o gol. Não foi um simples gol, pois foi a jogada que mudou completamente o panorama da partida. Apenas três minutos depois, a equipe visitante teve um pênalti a seu favor. Richarlyson fez falta dentro da área em Fabrício. Marco Antônio, que é cria do Tricolor, não permitiu que Ceni se redimisse e assinalou o segundo da Lusa.

O jogo complicou-se de vez para o São Paulo aos 19 minutos. O atacante Dagoberto, em jogada inconsequente, fez falta em Henrique e recebeu o cartão vermelho. A partir desse momento o confronto descambou de vez para o Tricolor. Tanto que as melhores oportunidades foram criadas pela Portugiesa, que ainda teria chance de aumentar o marcador.

Já nos acréscimos, quando o Tricolor tentava pressionar o rival, no contra-ataque Héverton recebeu livre e deu números finais ao jogo.

O São Paulo retornará a campo na próxima quarta-feira, quando enfrentará o Mirassol, fora de casa. Já a Lusa receberá no mesmo dia o Sertãozinho, no Canindé.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 1 X 2 Portuguesa

Estádio: Morumbi, São Paulo (SP)

Data/hora: 17/01/2010 - 17h (de Brasília)

Árbitro: Antonio Rogério Batista do Prado

Auxiliares: Dante Mesquita Junior e Rogerio Pablos Zanardo

Renda/públibo: R$ 350.243,00/ 18.074 pagantes

Cartões amarelos: Miranda e Richarlyson (São Paulo); Flávio, Paulo Sérgio e Henrique (Portuguesa)

Cartão vermelho: Dagoberto (São Paulo)

GOLS: Marcelinho Paraiba (38'/ 1ºT); Héverton (9'/2ºT) e Marco Antônio (13/2ºT)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Jean, Miranda, André Dias e Jorge Wagner (Júnior César, 36', 2ºT); Richarlyson, Léo Lima, Hernanes (Marlos, 27', 2ºT) e Marcelinho Paraíba; Dagoberto e Washington (Roger, 18', 2ºT). Técnico: Ricardo Gomes

PORTUGUESA: Fábio; Preto Costa, Thiago Gomes (Henrique, 6'/2ºT), Domingos e Paulo Sérgio; Acleisson, Gláuber, Marco Antônio e Fabrício; Héverton (Jéfferson, 48'/2ºT) e Dinei (Ronaldo, 45', 2ºT). Técnico Vágner Benazzi

VEJA TAMBÉM
- Provável escalação do São Paulo para enfrentar o Internacional no Brasileirão
- São Paulo Mantém postura firme e exige pagamento da multa por Galoppo
- SECA DE GOLS! Atacante atravessa fase difícil sob comando de Zubeldía no São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 1 8

Comentários (11)

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.