publicidade

Ex-Sampa:Kaká vai integrar campanha mundial da ONU de ajuda ao Haiti

Na semana que vem, Kaká vai integrar uma campanha mundial de ajuda aos haitianos vítimas do terremoto da última terça-feira, 12. O jogador do Real Madrid foi chamado pela ONU para gravar um vídeo que será veiculado em todo o mundo, convocando pessoas a ajudarem na reconstrução do Haiti. Ele é embaixador das Nações Unidas contra a fome do programa de alimentação mundial. O meia vem acompanhando pela televisão as cenas de dor e devastação que vem ocorrendo especialmente na capital Porto Príncipe. Em conversa com seu assessor, Diogo Kotscho, o atleta comentou que observou um “sofrimento terrível”.

Kaká não participou do “Jogo da Paz”, em 2004, quando a Seleção Brasileira comandada por Carlos Alberto Parreira fez uma passagem relâmpago por Porto Príncipe, parou a cidade e goleou a seleção do Haiti por 6 x 0. A ideia dessa partida foi lançada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. À época, Ronaldinho Gaúcho e Ronaldo eram as maiores estrelas da equipe do Brasil. Essa passagem, que ajudou a melhorar as relações dos soldados brasileiros com a população haitiana, foi registrada no documentário “O dia em que o Brasil passou por aqui”. Kaká não pôde fazer parte da equipe porque não foi liberado pelo Milan.

Nesta sexta-feira, o jogador corintiano Ronaldo, embaixador da Boa Vontade do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, também confirmou a Terra Magazine que anunciará sua ajuda na próxima segunda-feira, “via ONU”.

VEJA TAMBÉM
- ONDE ASSISTIR: Vasco x São Paulo pelo Brasileirão
- Vai sair? Titular comenta possibilidade de transferência para o Cruzeiro
- Zubeldía reconhece desempenho ruim, justifica time no banco e revela lesão


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 20 3

Comentários (13)

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.