publicidade

Fernandão fica no Goiás, mas revela clima pesado

Atacante afirma que já quase brigou com torcedores na rua

Depois de se atrasar no primeiro dia de treinamentos do Goiás, Fernandão concedeu entrevista coletiva e disse que continuará no clube. O São Paulo tem interesse, mas esperava que o jogador conseguisse liberação do Esmeraldino. O atacante se diz feliz em atuar pelo time goiano:

- Tenho contrato com o Goiás até dezembro, mas mesmo se não tivesse contrato, mas tivesse a mesma conversa que tive em agosto, eu continuaria aqui. É uma questão pessoal, muito íntima minha. E o dia que deixar de ser uma opção eu peço para sair. Muita coisa se fala, mas ninguém escuta o jogador. Estou feliz aqui, estou tranquilo.

Porém, Fernandão confessa que o clima no clube não era o que ele esperava quando foi contratado.

- O Goiás ficou muito pesado, muita intriguinha que não leva a nada. Acho que falta um pouco mais de respeito - afirmou o atacante.

Além do clima ruim dentro do clube, Fernandão está com problemas com a torcida. O atacante revela que não está fácil andar pelas ruas de Goiânia, e que a situação quase ficou mais complicada:

- Quase briguei quatro vezes, coisa que nunca aconteceu na minha vida. Torcedor se acha no direito de te pegar no meio da rua e te falar um monte de merda na frente da sua mulher, do seu filho. Na rua sou o Fernando e mereço ser respeitado. Se mexer comigo e com minha família, o bicho pega.

VEJA TAMBÉM
- Provável escalação do São Paulo para enfrentar o Internacional no Brasileirão
- São Paulo Mantém postura firme e exige pagamento da multa por Galoppo
- SECA DE GOLS! Atacante atravessa fase difícil sob comando de Zubeldía no São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 13 13

Comentários (9)

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.