publicidade

Zubeldía impressiona em um mês no São Paulo com invencibilidade e confiança.

Foto: Rubens Chiri e Paulo Pinto/Saopaulofc.net - Legenda: Zubeldía completa um mês no São Paulo / Jogada10 Há exatamente um mês, Luis Zubeldía era apresentado como novo técnico do São Paulo. 30 dias depois, o treinador argentino instaurou um novo ânimo dentro do clube, ainda não sabe o que é derrota e conquistou o apoio do torcedor tricolor, com a boa fase vivida pela equipe. Zubeldía chegou para substituir Thiago Carpini sabendo que o trabalho não seria fácil.

Afinal, seu antecessor ganhou a Supercopa Rei do Brasil e quebrou o tabu em Itaquera, contra o rival Corinthians. Contudo, nem isso foi o suficiente para mantê-lo no cargo quando a má fase chegou. Logo em sua estreia, o São Paulo apresentou um futebol diferente, mais organizado e venceu o Barcelona de Guayaquil por 2 a 0, fora de casa, pela Libertadores. O triunfo foi o primeiro do clube na história, atuando no Equador, pela competição continental. Algo que já fez a moral de Zubeldía crescer. Desde então, são sete jogos com cinco vitórias e dois empates.

Fonte da imagem

Curiosamente, quatro destes triunfos aconteceram longe do MorumBIS, onde o São Paulo tinha muita dificuldade no ano passado. O treinador "mergulhou" no São Paulo para conhecer jogadores, funcionários, estrutura, os cantos do CT da Barra Funda e tudo o que cerca o seu trabalho no clube. Sem local para morar, ele reveza entre noites em um hotel e no CT da Barra Funda. Zubeldía recupera jogadores e afasta James. Entretanto, o que se pode ressaltar deste início de trabalho de Zubeldía é a recuperação de atletas que estavam sem espaço com Carpini. Por exemplo, o lateral-esquerdo Patryck e o meia Rodriguinho vem ganhando oportunidades. Alan Franco, que era reserva com o antigo treinador, se tornou titular.

Galoppo e Michel Araújo, que jogavam com o antecessor, mas recebiam algumas críticas, foram reposicionados e recuperaram a boa fase. O São Paulo, então, subiu nas competições que disputa. Após um começo conturbado na Libertadores, agora vai para a última rodada da fase de grupos brigando pela liderança do grupo B. No Brasileirão está a três pontos do líder Athletico Paranaense. Por fim, na Copa do Brasil, tem classificação encaminhada para as oitavas de final, contra o Águia de Marabá. Contudo, este período também chamou a atenção pela ausência de James Rodríguez.

Depois de Dorival Júnior e Thiago Carpini, o treinador argentino colocou o meia colombiano em campo apenas uma vez, saindo do banco de reservas, no clássico contra o Palmeiras. Desde então, o colombiano ficou fora por opção do técnico e deve deixar o São Paulo no segundo semestre. Assim, Zubeldía já vem dando sua cara para a equipe. Com a pausa do Campeonato Brasileiro, ele terá um período raro de treinamentos. Contudo, é convicto dizer que o São Paulo virou outro após a chegada do argentino.


VEJA TAMBÉM
- São Paulo se vinga do Cruzeiro e negocia com Thiago Mendes, entenda
- Corinthians e São Paulo empatam em clássico com atuação de destaque de Lucas
- Corinthians e São Paulo: informações e prováveis escalações para o clássico brasileiro


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 25 0

Comentários (1)
22/05/2024 12:17:53 Carlao Caverinha157

assim nada contra o Carpini mais o time precisa de uma pessoa q cobra os jogadores pra extrair o melhor do jogador quem fazia isso era Muricy, leoa , Nelsinho Batista, Celso roht , Felipão, Luxemburgo o Zubeldia tá na msm bala procurando trazer todos os jogadores pra ser competitivos isso e bom de mais todos jogam e estamos no caminho certo pra cima deles soberano

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.