publicidade

Presidente de clube da série A é sincero e faz revelação surpreendente sobre jogadores gays no futebol brasileiro

Ex-goleiro de clubes como Flamengo e Grêmio, Emerson Ferretti fez história ao se tornar o primeiro presidente assumidamente gay de um time brasileiro, o Bahia. Mas nem sempre foi assim. Não foi fácil para o ex-atleta ser homossexual em um ambiente notoriamente homofóbico como o futebol. "Passei décadas dentro de um campo de futebol escondendo quem realmente sou", desabafa o gaúcho de 52 anos, que hoje namora o bailarino Jordan Dafner, de 27.

O preconceito, segundo Emerson, faz com que muitos jogadores fingem ser o que não são. “É claro que há muitos homens gays no futebol, mas isso é ignorado. Namoradas e até mulheres de fachada são mais comuns do que se imagina. Eu realmente entendo quem recorre a esse teatro. Eles não querem se tornar o centro das atenções, nem serem prejudicados por isso. Contar minha história é uma forma de inspirar meninos gays que pretendem ser jogadores a ter coragem de fazer o mesmo“, disse ele em depoimento à "Veja.

Emerson Ferretti conta também que só conseguiu começar a se relacionar com homens depois dos 21 anos. Além disso, com a fama, a pressão sobre sua sexualidade ficou ainda maior:

“Em diversos momentos, entrei em depressão e pensei em desistir do futebol. Por mais que tentasse preservar minha intimidade, as fofocas corriam soltas pela cidade. Nunca apareci rodeado por mulheres, nos bares e casas noturnas, nem ao lado de namoradas, como costumam fazer os jogadores héteros. Meus próprios companheiros de equipe começaram a desconfiar de mim e a soltar piadinhas no vestiário”.

VEJA TAMBÉM
- Cuiabá surpreende, vence São Paulo e derruba invencibilidade de Zubeldía
- São Paulo escalado para o jogo com o Cuiabá
- São Paulo x Cuiabá: onde assistir, horário e escalações no Brasileirão


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 19 33

Comentários (11)
06/03/2024 17:48:30 Jasontriloco23

Materia mais desnecessária viu.. Quem diacho ta ligando se o cara queima a ruela..

06/03/2024 11:50:32 Alex Lopes

E daí , se for gay? O importante é dentro do campo!

06/03/2024 11:18:04 Marcos Verissimo

vamos parar por aqui essa putaria se o existem vários jogadores que querem sair do armário a federação tem que criar uma nova liga de futebol criar a federação de futebol trans ou futegay já chega ver essas mulheres que não entendem nada de futebol apitando jogos importantes só fazem besteira

06/03/2024 11:12:36 Luiz Pereira

Esse movimento GLS... depois que virou movimento político perdeu o sentido... O relacionamento e a intimidade de cada um não tem que ser discutido por ninguém... Coisa ridícula ficar na internet dizendo o que faz, com quem ou sei lá o que... Tenham dignidade, cada um que fique na sua entre suas quatro paredes e vamos nos preocupar mais com coisas sérias e produtivas.

06/03/2024 11:09:54 doni_tricolor

Só tenho preconceito com gente mal-educada. O resto, faz o que quiser

bronze
06/03/2024 07:29:55 TS

Rendendo em campo é o que importa. Se o cara não faz nada de errado na vida pessoal, nada que possa prejudicar o time que joga, não interessa pra ninguém o que ele faz.

A vida é dele, o c* é dele.

O que acho uma chatice é o povo querer encampar bandeiras, querer militar e lacrar em tudo.

05/03/2024 23:38:03 Montezuma

Só do cara dizer que ouvia piadinhas por não estar com mulher já mostra o antro que é o mundo do futebol. Pra quem não tem que passar por isso é lacração mesmo. E o pior é ouvir a geração retrógrada desmerecer isso porque na época deles era amplamente aceito fazer piadinha de viado, bicha etc. Eita mundo que não muda...

05/03/2024 23:18:39 Geraldo de Oliveira

Mano. Ateando ao futebol dentro das quatro linhas é o que importa... O resto cada um faz o que quiser fora de campo. Quer levar bola nas costas o problema é seu!!!

bronze
05/03/2024 23:00:00 GOISSILVA

cada um faz o que quer com seu *

05/03/2024 22:58:15 MarcaoSPTricolo

FODAASEEE NINGUEM SE IMPORTA COM SEXUALIDADE NÃO

Lacração do caralho. O que importa se da a porra da bunda ou não?

Importa se joga bem ou não. Lacraçao do caralho no futebol ninguem quer saber dessas palhaçada nao

bronze
05/03/2024 22:57:03 RobertRedford

O cara pode ser o que ele quiser, cada um, cada um. Só tenho preconceito com gente podre e ruim.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.