publicidade

Entre atritos e glórias, Telê transformou São Paulo com elenco “viciado” em títulos

Telê Santana é até os dias de hoje uma das maiores figuras da história do São Paulo. Passados 16 anos de seu falecimento, seu nome ainda é entoado nas arquibancadas do Morumbi por torcedores gratos pelo fato de o técnico ter transformado a história do Tricolor, que nesta sexta-feira completa 30 anos do seu primeiro título da Copa Libertadores.



Mas, se engana quem pensa que a trajetória do Mestre Telê foi marcada apenas por glórias. O treinador chegou ao São Paulo com fama de “pé frio” por não ter vencido as Copas do Mundo de 1982 e 1986 à frente da Seleção Brasileira. Assumiu o Tricolor em agosto de 1990, e com poucos meses de trabalho levou o time ao vice-campeonato nacional.


LEIA TAMBÉM: São Paulo pode estar próximo de contratar Marcos Guilherme


No ano seguinte, em 1991, Telê Santana conquistou o Campeonato Brasileiro e o Campeonato Paulista, dando indícios de que aquele time marcaria época. O treinador chegou a ter alguns atritos com o elenco do São Paulo por ser extremamente exigente, o que ele próprio admitiu aos seus jogadores antes do primeiro jogo da final da Libertadores de 1992, contra o Newell’s Old Boys, na Argentina, de acordo com o jornal A Gazeta Esportiva da época.

“Em Rosário, ainda no hotel, o treinador chamou os jogadores e reconheceu ser difícil o relacionamento com ele. Mas, ressaltou que aquele era o único jeito de fazer o time disputar títulos. ‘Você são jovens e tendem a sair do sério. Preciso exagerar na cobrança’”, disse antes da primeira partida da decisão da Libertadores”.

Por ser perfeccionista no dia a dia de trabalho, Telê Santana também não precisou de uma longa preleção antes do jogo de volta contra o Newell’s Old Boys, no Morumbi, até porque seus jogadores estavam tão ansiosos, que mal podiam ficar sentados.

“Eu tenho a imagem muito clara da sala de preleção com o Telê. O Telê nunca precisou motivar a gente, nunca precisou de uma preleção de 40 minutos. O Telê nunca teve que criar algo diferente, a não ser definir as funções, nossa estratégia e cobrar da gente um bom jogo, uma boa performance”, disse Pintado, volante daquele time, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

“Nós estávamos tão ansiosos que não conseguíamos ficar sentados com o Telê falando. Estávamos em pé enquanto o Telê falava com a gente. A gente queria jogar. Queríamos tanto esse jogo, construir essa história, vencer, ser campeão, que não conseguimos ficar sentados. O Telê entendeu nossa motivação e disse: ‘Moçada, não tem muito para falar, não. É uma final de Libertadores, título mais importante da história desse clube, e a gente vai para vencer’. Dali a gente saiu e foi para o estádio”, lembrou Pintado.

Apesar dos atritos com alguns atletas e o estereótipo de “general”, Telê Santana não só ficou eternizado na história do clube, mas também na vida de muitos jogadores que foram aconselhados pelo treinador dentro e fora de campo.

“O Telê colocou limite pra gente, orientou muito bem. Dentre as pessoas importantes que estiveram em minha reviravolta profissional e pessoal, uma das mais importantes, se não a mais importante, foi o Telê”, concluiu Pintado.



Após conquistar o Brasileirão de 1991, o Campeonato Paulista de 1991 e a Libertadores de 1992, Telê Santana ainda ergueria os troféus do Paulistão de 1992, Mundial de Clubes de 1992, Libertadores de 1993, Mundial de Clubes de 1993, Supercopa Sul-Americana de 1993 e Recopas Sul-Americanas de 1993 e 1994, totalizando dez títulos como treinador do São Paulo.

Telê, transformou, São Paulo, elenco, viciado, títulos

VEJA TAMBÉM
- América-MG x São Paulo: Veja como assistir AO VIVO ao jogo da Copa do Brasil
- Com novidades, São Paulo desembarca em Belo Horizonte para encarar América-MG
- Jandrei deve ser titular do São Paulo contra América-MG; veja provável escalação


CLASSIFICADO NO DRAMA! SOTELDO; LÉO PODE SAIR; DANILO GOMES; SPFC BANK ESTA PRONTO!


CONFIRA:São Paulo tentou atravessar Santos para ter Soteldo, mas recebeu novo não como resposta

VEJA TAMBÉM:Executivo do São Paulo, Rui Costa afirma em entrevista: "Gestão é muito mais do que fechar contratações"

E MAIS:Show do Iron Maiden no Morumbi faz Conmebol mudar data da semifinal da Sul-Americana; confira

Avalie esta notícia: 7 0

Comentários (8)

bronze
17/06/2022 15:26:39 rodrigotm

Mestre Telê!!!! Esse sim foi um grande técnico.

17/06/2022 10:07:44 Carmelo Lombardo

Igual a Tele nao surge mais. Nao era técnico e sim mestre, nosso problema se chama diretoria, essa cupula do Juvenal Juvêncio vem destruindo o Sao Paulo a dez anos, e ninguém faz nada, tem muitos torcedores dos rivais, infiltrados no São Paulo

17/06/2022 09:23:15 Ozias Bezerra de pula

Toda essa decadencia financeira e de jogadores abaixo da média, se deve aos presidentes que vem a anos roubando o time e fazendo negoçios mau feitos em contrataçaes e altos salarios pra jogadores meia boca

17/06/2022 08:43:16 RafaTri18

Todo ano é isso, ficam jogando essas notícias falando da época do Telê ou da época de 2005 a 2008 para afogar as mágoas da realidade do time hoje, que se tornou do tamanho do Atlético Goianiense, Avaí, etc e é absurdamente menor que o Palmeiras e o Flamengo.

17/06/2022 08:40:16 Edmar Albuquerque

Essa app está tirando é o foco , agente que saber é do atual momento que o time passa nesse tempo aí o São Paulo tinha presidente que gastava com o time agora só chega pra afundar o time ainda mais no buraco

17/06/2022 08:28:21 GK PML

O pior é saber que dos poucos jogadores daquela época que viraram treinadores, parece não ter aprendido muito não ......

17/06/2022 08:15:42 mw rapper.oficial

isso sim era técnico o técnico que temos hj é uma piada

17/06/2022 08:05:04 Edvaldo jose

pra vim uns animais e estragar tudo agora bando de lixos

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.
  • + Comentadas Fórum

  • publicidade
  • Fórum

  • Próximo jogo - Copa do Brasil

    Qui - 21:00 - Raimundo Sampaio -
    America Mineiro
    America Mineiro
    São Paulo
    São Paulo

    Último jogo - Brasileiro

    Dom - 16:00 - Cicero Pompeu de Toledo
    images/icon-spfc.png
    São Paulo
    3 0
    X
    RB Bragantino
    RB Bragantino
    Calendário Completo
  • publicidade
  • + Lidas

  • publicidade
  • Untitled Document
    Classificação
    1 Palmeiras
    2 Corinthians
    3 Internacional
    4 Atletico Paranaense
    5 Atletico-MG
    6 Fluminense
    7 Flamengo
    8 São Paulo
    9 Santos
    10 Botafogo
    11 Avai
    12 RB Bragantino
    13 Ceará
    14 Goiás
    15 Cuiaba
    16 Coritiba
    17 America Mineiro
    18 Atletico Goianiense
    19 Juventude
    20 Fortaleza EC
    P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
    30 16 8 6 2 27 12 15 VVEDE
    29 17 8 5 4 19 17 2 VEDVD
    29 17 7 8 2 23 15 8 DVEVE
    28 17 8 4 5 20 17 3 VVVDE
    28 16 7 7 2 24 17 7 EVVVE
    27 16 8 3 5 22 15 7 EVVVV
    24 17 7 3 7 20 17 3 DVVDV
    23 16 5 8 3 20 16 4 DDEVE
    22 17 5 7 5 20 16 4 EEDVD
    21 16 6 3 7 17 21 -4 VVDVD
    21 17 6 3 8 19 27 -8 DEDDV
    21 16 5 6 5 24 20 4 VEDDV
    21 17 4 9 4 19 18 1 EEEDV
    20 16 5 5 6 16 19 -3 DDVDV
    19 16 5 4 7 13 17 -4 DEDVV
    19 17 5 4 8 20 27 -7 DDVED
    18 16 5 3 8 12 18 -6 EDDVD
    17 16 4 5 7 17 22 -5 DVEDD
    12 16 2 6 8 15 28 -13 DDEDE
    11 16 2 5 9 13 21 -8 DVDDE
    Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
    vitoria empate derrota
18/08/2022 11:45:26