publicidade

Saiba quanto o campeão da Supercopa vai receber

Palmeiras e São Paulo ainda têm clássicos por disputar pelo Campeonato Paulista. Mas daqui a uma semana exata, os rivais duelam naquela que é a principal partida deste início de temporada: a Supercopa do Brasil. As equipes se enfrentam no próximo domingo (4), às 16h (horário de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte. E a sete dias de um Choque-Rei tão emblemático, a CBF ainda não divulgou oficialmente quais serão os valores de premiações tanto para o campeão quanto para o vice no confronto.

Conforme apuração da Trivela, o Palmeiras, atual bicampeão brasileiro, e o São Paulo, campeão inédito da Copa do Brasil, já foram informados sobre qual será a premiação. Falta apenas um anúncio oficial por parte da entidade. Os valores devem superar o que a CBF pagou como prêmio no ano passado, mas ainda são próximos aos R$ 10 milhões oferecidos pela entidade para o campeão (o Palmeiras) e aos R$ 5 milhões para o vice (o Flamengo), em 2023.

Na temporada passada, a entidade só elevou as cifras para premiações após receber um aporte de 1 milhão de dólares da Conmebol. Não há informação de que este valor foi depositado pela entidade sul-americana em 2024.

CBF também demorou para decidir Mineirão como palco da Supercopa
A demora para tomar decisões sobre a Supercopa foi uma tônica da CBF desde a divulgação do calendário do futebol brasileiro para 2024, ainda em outubro do ano passado. A entidade só definiu o local da partida em janeiro, a (bem) menos de um mês da decisão. O atual bicampeão brasileiro Palmeiras enfrentará o São Paulo, campeão da Copa do Brasil, no Mineirão, em Belo Horizonte.

E o anúncio do local da partida veio com uma surpreendente mudança de data. Desde o início a CBF sempre trabalhou com 3 de fevereiro como o dia estipulado para a Supercopa. Ao anunciar o Mineirão, porém, veio a surpresa: a partida será em 4 de fevereiro, no domingo.

A escolha do local atende às demandas dos dois clubes, mesmo que a preferência de São Paulo e Palmeiras fosse o Maracanã. Os rivais entraram em consenso de que a sede da decisão deveria ser próxima à capital paulista para facilitar a logística tanto para as delegações quanto para os torcedores. Vale lembrar que a Supercopa será disputada em meio ao Campeonato Paulista, que inicia em 20 de janeiro.

Criada pela CBF em 1990, a Supercopa do Brasil reúne os campeões do Brasileirão e da Copa do Brasil do ano anterior em um duelo pelo título. O Grêmio é o primeiro vencedor da competição. A entidade decidiu não realizar entre 1992 e 2019.

A CBF retomou a Supercopa em 2020, ano em que o Flamengo superou o Athletico-PR para ficar com o título. Desde então, a competição quase sempre foi disputada no Mané Garrincha, em Brasília. A única exceção foi em 2022, ano em que o Atlético-MG foi campeão em partida realizada na Arena Pantanal, em Cuiabá.

Confira a lista de campeões da Supercopa:

1990: Grêmio
1991: Corinthians
2020: Flamengo
2021: Flamengo
2022: Atlético-MG
2023: Palmeiras

São Paulo e Palmeiras iniciaram 2023 unidos uma parceria de “trocas” de estádio. O Tricolor utilizou o Allianz Parque quando o Morumbi esteve cedido a shows, e a recíproca foi verdadeira depois: o Alviverde mandou jogo na casa são-paulina quando seu estádio era palco de show. Mas esse cenário mudou recentemente.

O São Paulo “esqueceu” a parceria e decidiu mandar o jogo contra Red Bull Bragantino, com vitória por 1 a 0, na Vila Belmiro, mesmo mediante pagamento ao Santos. O principal motivo foi evitar o gramado sintético do Allianz Parque. O técnico Dorival Júnior chegou a dizer que o estádio não estaria disponível e uma entrevista.

Mas além disso, há também um cenário de provocações crescentes entre são-paulinos e palmeirense. Na Copa do Brasil, o São Paulo eliminou o Palmeiras nas quartas de final e usou as redes sociais para provocar o adversário. Após a goleada por 5 a 0 pelo Brasileirão, o Alviverde respondeu na mesma medida.

E uma movimentação recente no mercado pode dar um elemento a mais para a rivalidade. O Palmeiras acaba de aplicar um chapéu no São Paulo para fechar a contratação de Caio Paulista. O Tricolor pretendia exercer a opção de compra do lateral-esquerdo e até já estava acertado com o Fluminense, mas o Alviverde atravessou o negócio, recheado de versões diferentes sobre os acordos e desacertos.

Palmeiras e São Paulo duelam pelo título da Supercopa no próximo domingo (4), às 16h (horário de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte. A CBF ainda não divulgou qual será premiação para o campeão e para o vice. Mas a apuração da Trivela é de que o valor deve superar (mas não muito) os R$ 10 milhões do ano passado para a equipe que vencer o clássico.

VEJA TAMBÉM
- Cuiabá surpreende, vence São Paulo e derruba invencibilidade de Zubeldía
- São Paulo escalado para o jogo com o Cuiabá
- São Paulo x Cuiabá: onde assistir, horário e escalações no Brasileirão


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 56 3

Comentários (7)
29/01/2024 04:46:39 Ali Tatah

espero q arrumaram o gramado do Mineirão q estava com péssimo gramado pq não colocaram o jogo no campo do galo ou no Maracanã vamos comer uma galinha caipira e Leitão no domingo

28/01/2024 19:03:49 spfc2020

metade é bicho para os jogadores, pq senão não vão querer ganhar.

28/01/2024 16:51:40 Aguinelo Barbosa

Zé mané.

28/01/2024 16:50:29 Aguinelo Barbosa

como pode ,ocar a diz saiba quanto o campeão da super copa vai receber, depois não sabe quanto vai receber é brincadeira, vai lamber sabão zé mano.

28/01/2024 11:14:09 Fabiano Castrillo

miserável essa CBF

28/01/2024 10:06:37 Luiz Kazuo Hatae

Mais R$10 pilas para o tricolor

28/01/2024 08:38:45 Sergio Gandini

Acredito que o São Paulo vai ganhar das pepas, mas tem que treinar com Maia, Giuliano, James, Luciano, Calleri e Lucas para terem o mínimo de entrosamento...

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.