publicidade

Arnaldo: São Paulo tomou castigo merecido e só não caiu porque é futebol

Arnaldo Ribeiro analisou no Posse de Bola que o São Paulo tomou um castigo merecido do Sport e só avançou na Copa do Brasil por causa de sua torcida e das "coisas do futebol".

Castigo merecido: "Quando o Sport faz 2 a 1, o São Paulo não vinha jogando de forma trágica, pelo contrário, vinha jogando ok, direito, e quando toma o 2 a 1 aos seis minutos do segundo tempo, aí o time e o técnico decidem jogar pela classificação, para perder por 2 a 1, isso não é uma estratégia compatível com 50 mil pessoas a favor. O São Paulo ficou naquela de arriscar, mas na verdade estava arriscando, e tomou o castigo na última bola, merecidíssimo, e só não foi eliminado por conta dos 50 mil, que não abandonaram".

Lupa no São Paulo: "Foi a primeira vitória do Sport no Morumbi em todos os tempos, o Sport nunca havia vencido o São Paulo no Morumbi, dois empates e 19 derrotas era o retrospecto. Isso coloca uma lupa, porque o São Paulo teve um maio perfeito, no primeiro dia de junho, perdeu em casa e só se classificou por aquelas coisas do futebol. O São Paulo, pode ser contra qualquer adversário, se jogar outra partida dessa, vai ser eliminado do mata-mata".

José Trajano analisou a classificação no sufoco do São Paulo na Copa do Brasil. Segundo ele, a derrota de virada por 3 a 1 para o Sport foi vergonhosa e coloca um freio na empolgação com o técnico Dorival Jr.

Foi até bom, porque havia um certo endeusamento do trabalho do Dorival Jr como se ele fosse ficar invicto a vida inteira, já estavam falando de Dorival Jr para seleção brasileira, por alguns jogos à frente do São Paulo. O Dorival estava sendo tratado como melhor técnico em atuação no futebol brasileiro, por estar à frente do São Paulo que não perdia, não é o que o São Paulo vinha jogando bem, empolgando. Tomar 3 a 1 do Sport e ir para os pênaltis é vergonhoso, mostra que o trabalho não está tão bem feito assim, por um detalhe o São Paulo não caiu fora." Trajano

Mauro Cezar destacou que os principais desafios do São Paulo de Dorival Jr estão por vir.

O São Paulo teve poucos desafios nesse recorte. Agora vem a parte que o São Paulo vai ser mais desafiado. Não é o caso de o Dorival ter batido no teto, é um time que está no começo de trabalho ainda, ele conseguiu bons resultados, de forma até pragmática em alguns momentos, mas até o São Paulo conseguir uma consistência maior e uma eficiência maior nas bolas aéreas, vai levar um tempo. Os grande desafios virão agora, o Dorival teve a sorte de pegar um recorte bom do calendário com adversários menos pesados, agora a coisa começa a apertar, essa derrota tem essa lado bom, botar o pé no chão e entender que tem muita coisa a ser feita." Mauro Cezar

O técnico Eduardo Coudet menosprezou o Corinthians ao escalar um Atlético-MG misto na Copa do Brasil? Na opinião de Mauro Cezar, não.

O Coudet é o grande responsável pela eliminação do Atlético-MG? Sim, as escolhas são dele. A gente critica o calendário, o cara joga contra o Corinthians e está 2 a 0 para ele, aí tem o Cruzeiro — ele não pode perder do Cruzeiro, ele está brigando pelas primeiras posições, é o reencontro dos dois, o Cruzeiro ficou três anos na Série B, imagina o Cruzeiro dar uma chapuletada no Atlético, ele não pode perder esse jogo — e tem que ganhar de qualquer maneira do Alianza Lima e do Libertad, no Paraguai. O que é pior: sair da Libertadores e da Copa do Brasil? Ele tinha que fazer escolhas. O time que ele botou em campo não é ruim, esse time tem condições de enfrentar o Corinthians, ainda mais entrando com 2 a 0. Dos três torneios, é o menos importante, o cara tem que fazer escolhas. O Coudet tem responsabilidade, óbvio que tem, a decisão é dele, mas é impossível jogar com o mesmo time todo jogo, e esse torneio é o menos importante." Mauro Cezar

Juca Kfouri elogiou a estratégia de Vanderlei Luxemburgo contra o Galo, mas ressaltou a importância de Renato Augusto na classificação.

Não tenho dúvida nenhuma que a diferença foi o Renato Augusto, a tal ponto que quando ele sai, muda o jogo de novo. Enquanto o Renato Augusto esteve em campo, era outro Corinthians, com outra cabeça, acionando os laterais. Tudo bem, mérito do professor, mas os méritos do professor não teriam aparecido caso ele não tivesse um jogador para realizar aquilo que o Corinthians precisava fazer." Juca Kfouri

Mauro Cezar comentou o desabafo de Gabigol após a classificação do Flamengo na Copa do Brasil. Ele analisou a declaração e disse que Gabriel conhece o Rubro-Negro como poucos.

Ele está no papel dele: é o capitão do time, tentando desviar o foco, abraçou o David Luiz efusivamente no final da partida. O que foi publicado é que eles seriam desafetos. Agora, isso não basta para desmentir o que foi publicado, esse tipo de coisa acontece no futebol, quando é vazado para imprensa, é vazado por gente próxima aos jogadores, amigos, empresário, assessor, agente, parente, gente de dentro do clube... Entendo o papel dele tentando colocar água na fogueira, e não gasolina, mas o Flamengo tem problemas, sim. E aí tem outro lado do Gabriel: como é possível torcedores do Flamengo não entenderem a importância do Gabriel para o Flamengo? Mesmo que ele faça algumas partidas ruins, perca alguns gols, além de se dedicar para caramba todo jogo, ele entende completamente o que é o clube, tem total identificação." Mauro Cezar


VEJA TAMBÉM
- SUBSTITUTO! São Paulo quer reposição conservadora para Diego Costa
- EGO INFLADO? Retorno de James Rodríguez após grande Copa América preocupa o São Paulo
- Marcelo Henrique Lima desabafa após erro em jogo entre São Paulo x Atlético Mineiro


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 9 3

Comentários (10)

Tana hora e fazer calar o boca deste cometarista tomara que queimem lingua

02/06/2023 16:36:05 Maria Amorim

concordo que foi uma lição para o grupo e essa de invencibilidade já tava enchendo o saco, ninguém precisa de jornalista contando os jogos que o time tá sem perder.O fico é crescer e fortalecer o elenco

02/06/2023 15:39:35 Neilton Alves

se o São Paulo fosse campeão mundial esse Trajano criticaria é recalcado com o tricolor.

02/06/2023 14:37:32 Celso Fonseca

o SP e o Dorival tem muito chão ainda, primeiro arar a terra arrasada que ele encontrou

Quem não erra nessa conseguem e perfeito so jesus foi perfeito mesmo assim e rejeitatado mas devemos aceitar o erro e um começo de um trabalho tem coisa que vem na vida da gente vem para melhorar

02/06/2023 13:47:39 Antonio Carlos Capella

Arnaldo ribeiro, e um são Paulino agourento, o que esse cara fala não levo em consideração.

02/06/2023 12:21:07 Carlao Caverinha157

imagina se tivesse sido eliminado ontem nosssssa ganhando no agregado 3 x 0 toma 3 gols em casa e perde a classificação isso prq o sport NUNCA TINHA GANHANDO DO SÃO PAULO NO MORUMBI hj a empresa tava rasgando o cu pra fala mal do time do Dorival e tal e imagina cm ia tá o vestiário e o emocional prós próximos jogos q sirva de uma baita lição tem q jogar sério pô respeita o adversário e o jogo só acaba quando o juiz apita o final porrrrrra

02/06/2023 12:12:32 Fabio Paraiso

salário mais fácil do mundo. ganha muito e não faz a menor diferença se fala m.... ou não. amanhã, ganha e vira o melhor do mundo.

02/06/2023 12:08:58 Arnaldo Balbo

Uma hora ia perder ainda bem que recuperaram nos pênaltis

02/06/2023 12:02:26 Paulo Zeferino

é isso mesmo. foi bom pra ficar espero e não ficar achando que é uma seleção.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.