Ceni diz ser difícil se motivar após perder título da Sul-Americana

O São Paulo conseguiu vitória importante sobre o América-MG, nesta quinta-feira (6), pelo Campeonato Brasileiro. Apesar do triunfo fora de casa por 2 a 1, importante para o Tricolor voltar à briga por uma vaga na Libertadores 2023, o técnico Rogério Ceni citou o clima de tristeza tomou conta do clube após a derrota na decisão da Copa Sul-Americana, no último final de semana.

"Confesso a você que você pode ganhar vários jogos, mas uma final é sempre muito especial. Quando você chega, por mais que no planejamento inicial você não conte com ela em janeiro, mas são nove meses de trabalho e 66 jogos jogados até aquele dia pra você ter a oportunidade de levantar uma taça. Então, se joga o ano inteiro pra ter essa oportunidade. Nós tivemos duas [finais] esse ano. E, infelizmente, nós não conseguimos. Isso é trágico. Principalmente pra gente que viveu isso aqui a vida toda. Então é difícil até pra gente se automotivar, né? Claro que a gente tem a obrigação, é funcionário do clube, mas acima de tudo você é um ser humano, você tem vínculos e e dói muito", afirmou o técnico em coletiva após o jogo em Belo Horizonte.



Com a vitória em Belo Horizonte, o São Paulo alcançou 40 pontos e subiu para a 10ª colocação na tabela. No próximo domingo, o Tricolor recebe o Botafogo, às 16h, no Morumbi, em confronto direto por uma vaga na principal competição continental.
"É uma vitória importante para a gente dentro do que sobrou no Campeonato Brasileiro. Vamos tentar ser o mais digno possível para buscar essa vaga na Libertadores", enfatizou o comandante.


LEIA TAMBÉM: Cinco nomes especulados no São Paulo para 2023; confira


Ceni também citou o fato de o planejamento tricolor no ano ter priorizado as competições mata-mata em detrimento do Brasileirão e que agora o foco precisa ser conseguir o número de pontos que leve o São Paulo para a Libertadores do ano que vem.

"O time continua aí, na briga, tentando juntar forças, sei que é muito pouco, estamos tentando resgatar esse tempo perdido, se a gente não tivesse ido tão longe nessas competições", afirmou.

A vantagem do São Paulo é ter um jogo a menos que os rivais na luta pela vaga na principal competição da América do Sul. E com as finais da Libertadores e da Copa do Brasil deste ano, há a possibilidade de o Brasileirão distribuir até oito vagas na Libertadores do ano que vem.

Confira a coletiva completa de Rogério Ceni
Olha pra mim foi muito pesado trabalhar na segunda-feira quando a gente se apresentou. eu não conseguia nem desenhar um treino. não queria dar um treino muito complexo pra eles. Fiz o mais simples possível.

Mas confesso que você pode ganhar vários jogos. Mas uma final é sempre muito especial. Quando você chega, por mais que no planejamento inicial você não conte com ela em janeiro, são nove meses de trabalho e 66 jogos jogados até aquele dia pra você ter a oportunidade de levantar uma taça. Então se joga o ano inteiro pra ter essa oportunidade. Nós tivemos duas esse ano e infelizmente nós não conseguimos. Isso é trágico. Principalmente pra gente que viveu isso aqui a vida toda, sabe?

Então é difícil até pra gente se automotivar. Claro que a gente tem a obrigação, é funcionário do clube. Mas acima de tudo você é um ser humano, você tem vínculos e dói muito a derrota.

É uma vitória importante dentro do que sobrou pra gente no Campeonato Brasileiro que é tentar disputar essa essa oitava posição que é disputada por seis, sete equipes no momento. O América-MG está em oitavo. Mas tem Botafogo, tem Fortaleza e uma série de equipes que estão disputando essa vaga.

E nós vamos tentar ser o mais digno possível para buscar uma vaga na pré-Libertadores. Mas no jogo de hoje eu acho que nós tivemos muita vontade de ganhar hoje que nós transpiramos muito. Até mais do que no jogo de sábado, felizmente travamos no sábado. Não conseguimos aquele título que era tão esperado e a gente lamenta porque você vê 7, 8 mil pessoas que vão, que pagam parcelado que eu sei é muito duro. Muito triste, você se coloca no lugar das pessoas. E é duro cara, é duro recomeçar. Até eu estava muito calado no vestiário no dia de hoje, estava bem quieto, estava difícil. Mas infelizmente você tem que tentar apagar as lembranças ruins. Como atleta vivi tantas coisas boas mas também vivi momentos dificílimos de perdas de títulos maiores até do que uma sul-americana. E a gente sobreviveu. Então assim, dentro do planejamento inicial nós jogamos três competições até agora aqui no ano. Nós batemos duas finais e uma semifinal. A bem verdade não tivemos a capacidade de vencer, mas o time continua aí na luta, na briga tentando juntar forças para conseguir essa oitava vaga que eu sei que é muito pouco quando se fala mas nós abrimos mão desse Campeonato Brasileiro em detrimento da Sul-Americana e da Copa do Brasil. Então assim nós estamos tentando resgatar esse tempo perdido, esses jogos que nós poderíamos ter talvez mais pontos se nós não tivéssemos ido tão longe nessas duas competições.

Eu conheço o meu time e eu sei quantas vezes nós já entramos em campo, mas hoje estava bem calado o vestiário. Eu gritei um pouco ali antes, tentei motivá-los, mas mesmo assim você nota no semblante. No decorrer do jogo eles foram entrando na partida. Na verdade nós erramos, nós demos o gol praticamente pro América. Num passe curto depois duma oportunidade de poder tirar essa bola longa, no mesmo lance que culminou com o gol do do América. Mas depois a gente não desistiu do jogo. Eu acho que dá até para nós controlarmos o jogo todo praticamente depois do gol que nós sofremos. Aliás, vínhamos controlando quando sofremos o gol e continuamos controlando o jogo. Claro que no final com os gols incríveis que a gente perdeu hoje, passou ali inexplicável, não saiu 2 a 1 muito mais cedo do que saiu e com isso você vai se lançando ao ataque e também vai cedendo oportunidades.

Mas no final ainda cruzamento do Wellington, uma boa jogada pelo lado esquerdo e na hora eu nem vi quem fez o gol depois que eu perguntei foi o Alisson. Que fez o gol de cabeça. E nos dá a vitória , o que nos deixa respirando ainda no Campeonato Brasileiro, no sonho de algo muito menor do que a gente tinha expectativa no sábado. Mas que nós temos que lutar porque nós temos agora domingo com muito pouco tempo de recuperação. Nós temos o Botafogo que também ganhou hoje do Avaí. Também vai aos 40 pontos. Tem mais vitórias do que a gente. Nós jogamos dentro do Morumbi. Eu sei que é difícil pedir apoio pro torcedor porque o torcedor também está machucado. Assim como a gente está desanimado. E nós temos que reunir forças pra tentar vencer esse jogo porque aí sim passa a ser muito importante essa vitória e acontecendo pelo jogo a menos que nós temos.

Eu acho que não é só o jogo de hoje. Não é que a gente queira ir embora, mas pra mim era tão importante o título cara. Eu juro pra você, por mais que você saiba das dificuldades do adversário, mas nós trabalhamos em cima de cada detalhe do jogo. Nós estudamos o jogo todos os dias. Foi passado todos os dias os vídeos de como o lance do segundo gol, por exemplo, foi repetido exaustivamente essa bola, descoberta com o zagueiro centralizado. A bola longa já aconteceu outras vezes. E quem faz a penetração na área. Então nós estudamos tudo isso e foi mostrado. Primeiro foi um erro nosso. Assim como hoje foi um erro nosso. Naquele dia não foi nem saída de jogo. Aquele dia foi um erro na hora de afastar a bola. Claro que remói. Dói muito, mas eu acho que essa vitória faz com que a gente tente continuar. Tente ter forças pra domingo. Nós vamos viver o jogo. Jogo após jogo pra ver. É difícil chegar porque só é uma vaga só. Para muitos times, mas nós vamos tentar agora e o tempo é muito curto. Vamos ver como é que a gente faz pra se a gente faz algumas trocas ou analisa bem no sábado.

O torcedor tem a mesma expectativa que a gente. Só que nós somos profissionais e você também tem.

É triste pra gente como profissional também. Ou mesmo pra mim eu posso ter certeza eu via os jogadores também. A decepção deles. A reapresentação sem vislumbrar um futuro. Eu até admiro em três, quatro dias esse time se recompor e conseguir uma vitória fora de casa. Coisa que não fez muito na temporada. Acho que é a terceira vitória, se eu não me engano, nossa, só no Brasileiro, fora de casa. Eu até me surpreendi com o resultado e a maneira como eles conseguiram reverter. Antes do jogo porque no vestiário estavam todos cabisbaixos. Mas como conseguiram se recolocar no campo de jogo. Então assim dói pra todo mundo. Eu entendo o torcedor vaiar, ofender, xingar. Nós queríamos entregar o título para o torcedor. Nós queríamos, eu queria pra mim, os jogadores queriam para eles. Nós queríamos entregar esse presente pro torcedor. Se você pegar aí, é que você não tem os bastidores que sempre é feito. Foi feito tudo, cara, pra gente ganhar. Infelizmente a vitória não veio e dói. E não é a vitória de hoje que apaga. Eu acho que ela só atenua um pouco a a decepção que foi a gente não conseguir esse título no sábado.



Eu disse que eu posso motivar vocês aqui gritar mas se vocês não levantarem a cabeça pra sair do buraco você vai se afundando cada vez mais. Então assim era notório, eu já vivi isso. Eu me lembro de uma vez em 2006. Perdemos a final da Libertadores pro Inter inclusive com uma falha minha, um erro meu. E nós tínhamos, isso não foi numa quarta à noite, nós tínhamos um jogo no domingo contra o Cruzeiro que nós defendíamos se eu não me engano a liderança do campeonato coincidentemente eu falhei na quarta e fiz dois gols e defendi um pênalti no domingo. Era uma outra época, outros tempos. Mas assim eu já tive num fundo de poço maior do que esse. E consegui sair. Eles também podem e eles também podem sair. São caras que trabalham, que têm os seus defeitos como todos nós temos e suas virtudes. Eu não sei exatamente dizer o que aconteceu no sábado porque nós estávamos bem preparados para jogar contra contra o Del Valle por melhor time que fosse bom time inegável que é um bom time. E se você for analisar as chances de gol, foram muito iguais. Nós tivemos todas as oportunidades de fazer o nosso gol. Não foi uma, não foi duas. Mas nós não contávamos com um erro no começo do jogo, treze minutos que complica o jogo realmente pra um jogo único de final. O tempo fica cada vez mais curto, o nervosismo aumenta. E naquele começo do segundo tempo nós tivemos duas, três oportunidades, uma tão clara quanto hoje, de cabeça do Calleri, onde a bola fosse dentro do gol ela era gol e não aconteceu. Infelizmente isso está inserido no contexto do futebol. É difícil sair do buraco? É difícil quando você entra no posto lá embaixo. É onde você remói tudo e pro treinador é mais difícil ainda porque o treinador está sempre muito sozinho. É sempre muito mais pesado pro treinador. Mas conseguimos a vitória hoje. Essa é a parte mais importante. Eu acho que fizemos um bom jogo. Construímos boas jogadas dentro das possibilidades até psicológicas que o time se encontrava que eu acho que nós fizemos um um bom jogo conseguimos a vitória e agora é tratar de recuperar fisicamente até agora os jogadores acho que mentalmente isso ajuda essa vitória mas recuperar fisicamente porque apesar do Botafogo também ter jogado hoje, pra gente tentar vencer esse jogo no Morumbi porque é o jogo que pode nos dar talvez até no domingo mesmo em caso de vitória e nós sabemos que é contra uma boa equipe, contra um ótimo treinador. Uma quantidade grande de vitórias que quatro vitórias nos últimos seis jogos se eu não me engano né? Ou seja é uma equipe que também está numa crescente, nós viemos de três vitórias.

Ceni, difícil, motivar, título, Sul-Americana

VEJA TAMBÉM
- Brasil está escalado para o confronto contra Camarões; confira!
- Só detalhes separam São Paulo do 1º reforço para 2023
- São Paulo negocia empréstimo de Pedrinho, atacante ex-América-MG


CONFIRA:Jorginho rescinde com Atlético-GO e pode reforçar o São Paulo em 2023

VEJA TAMBÉM:Apesar da forte concorrência, São Paulo tem trunfo para fechar contratação de Wellington Rato; veja bastidores

E MAIS:São Paulo quer liberar Pablo Maia no final do ano e tenta convencer clube inglês

Avalie esta notícia: 0 1

Comentários (7)

07/10/2022 08:38:12 renato vieira

O q te motiva é ser treinador do São Paulo e seu salário, ja é motivador o suficiente. O cara e contratado p motivar os jogadores e fala uma merda dessas

07/10/2022 08:26:11 Ribeiro Ribeiro

Motivar vc nao tem que ser motiva e sim ser proficional ou nao estar ganhando para isso safado mentindo e arrogante #fora rg

prata
07/10/2022 08:23:30 2015_spfc

Então, pede pra sair, seu Jumento!

07/10/2022 08:15:39 Daniel Fehr

...e não estraga-los com contratos milionários sem cláusula de performance.

07/10/2022 08:14:09 Daniel Fehr

Tem que buscar gente dispota a comer grama para jogar no São Paulo!

07/10/2022 08:12:44 Daniel Fehr

Esse futebol é cheio de gente mimada.

07/10/2022 08:11:07 Daniel Fehr

Acorde às 5:30, pegue um ônibus lotado, almoce uma marmita, rale ferrado o dia todo, volte para um barraco, veja os filhos chorando de fome por conta de um salário mínimo miserável que você dá graças a Deus por ter. Depois tente se motivar para o dia seguinte.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.
  • + Comentadas Fórum

  • publicidade
  • Fórum

  • Próximo jogo - Paulista

    Sáb - 21:00 - -
    São Paulo
    São Paulo
    Ituano
    Ituano

    Último jogo - Brasileiro

    Dom - 16:00 - de Hailé Pinheiro
    https://media.api-sports.io/football/teams/151.png
    Goiás
    0 4
    X
    São Paulo
    São Paulo
    Calendário Completo
  • publicidade
  • + Lidas

  • publicidade
  • Untitled Document
    Classificação
    1 Palmeiras
    2 Internacional
    3 Fluminense
    4 Corinthians
    5 Flamengo
    6 Atletico Paranaense
    7 Atletico-MG
    8 Fortaleza EC
    9 São Paulo
    10 America Mineiro
    11 Botafogo
    12 Santos
    13 Goiás
    14 RB Bragantino
    15 Coritiba
    16 Cuiaba
    17 Ceará
    18 Atletico Goianiense
    19 Avai
    20 Juventude
    P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
    81 38 23 12 3 66 27 39 VVEVD
    73 38 20 13 5 58 31 27 VDVVV
    70 38 21 7 10 63 41 22 VVVVV
    65 38 18 11 9 44 36 8 EVVED
    62 38 18 8 12 60 39 21 VDDED
    58 38 16 10 12 48 48 0 DVDEV
    58 38 15 13 10 45 37 8 VEDVV
    55 38 15 10 13 46 39 7 VDEVV
    54 38 13 15 10 55 42 13 VEDDV
    53 38 15 8 15 40 40 0 EVVDE
    53 38 15 8 15 41 43 -2 VDVVD
    47 38 12 11 15 44 41 3 DVEDD
    46 38 11 13 14 40 53 -13 EDVDD
    44 38 11 11 16 49 59 -10 DVDDD
    42 38 12 6 20 39 60 -21 DVVED
    41 38 10 11 17 31 42 -11 VVEDV
    37 38 7 16 15 34 41 -7 DDDDV
    36 38 8 12 18 39 57 -18 DDEEE
    35 38 9 8 21 34 60 -26 DDEVV
    22 38 3 13 22 29 69 -40 DDDED
    Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
    vitoria empate derrota
02/12/2022 16:46:49