Como a final da Copa Sul-Americana ficou quase 'invisível' na TV em 10 anos

São Paulo vai buscar o segundo título na Copa Sul-Americana hoje contra o Del Valle
Imagem: Ettore Chiereguini/AGIF


O torcedor do São Paulo que ainda tem fresca na memória a lembrança da última final de Copa Sul-Americana que o time disputou e conquistou, em 2012, sabe que há dez anos era muito mais fácil ver o Tricolor disputar o título continental pela televisão.



Quem não lembra, dez anos depois, fica sabendo agora: o jogo decisivo contra o Tigre, da Argentina, em 12 de dezembro daquele ano, teve transmissão de dois canais abertos e um pago. Globo e Band transmitiram a final que acabaria tendo apenas um tempo jogado de fato, já que o time argentino se recusou a voltar ao gramado do Morumbi para a segunda etapa da partida. Na TV paga, o duelo era exclusivo do Fox Sports.


LEIA TAMBÉM: Veja onde assistir à final da Sul-Americana entre São Paulo e Del Valle


Em 2022, o São Paulo tenta o bicampeonato da Sul-Americana, hoje (1º), contra o Independiente del Valle, às 17h (horário de Brasília), em uma final única, em Córdoba, na Argentina, e o trabalho para ver essa partida será bem maior. Apenas um canal tem os direitos de transmissão da competição, a Conmebol TV, um pay-per-view criado em 2020 e que só está disponível na Sky, Claro e DirecTV Go.
Isso mesmo, ainda que o São Paulo seja um dos maiores clubes do país, dono de uma das maiores torcidas do Brasil, e de uma das camisas mais vencedoras do mundo, a final de hoje não terá transmissão em TV aberta por uma série de fatores que levaram a Copa Sul-Americana a ficar quase "invisível" na mídia. Confira agora:

1 - Globo e Fox desistiram da Sul-Americana após 2018
Até 2018, o canal Fox Sports era dono das competições da Conmebol na televisão de todo o continente. A Globo fazia acordos para ter os direitos de TV aberta e paga. Só que a entidade passou a organizar licitações com pacotes de jogos na Libertadores e na Sul-Americana a partir do ciclo 2019-2022.

A Libertadores foi muito concorrida, e ambas as empresas levaram os principais pacotes na época (mais tarde, a Fox seria absorvida pela ESPN, do Grupo Disney, e a Globo rescindiria o contrato, dando espaço ao SBT na TV aberta). Mas a Sula acabou ficando sem propostas das antigas detentoras. Com isso, a Conmebol vendeu a competição totalmente exclusiva para um novo serviço de streaming à época, o DAZN.

2 - Conmebol perdeu "chance" com rescisão do DAZN
Na mesma época e contexto de pandemia no qual a Globo rescindiu unilateralmente seus contratos de TV aberta e fechada na Libertadores, em 2020, o DAZN fez o mesmo com a Copa Sul-Americana. Na ocasião, Sky, Claro, Band e Conmebol se juntaram para criar o PPV que ficaria responsável por absorver os direitos rescindidos nas duas competições. A Conmebol TV surgiu para ficar com os pacotes que antes eram do Sportv (Libertadores) e DAZN (Sula).

Na Libertadores, como já citamos, o SBT foi a solução encontrada para que o torneio não ficasse fora da TV aberta. Mas a Conmebol perdeu a chance de mexer no formato de transmissão da Copa Sul-Americana, assinou a mesma exclusividade total que o DAZN tinha com o novo consórcio responsável pelo PPV, e condenou a competição a ficar longe das mídias com alcances maiores até o fim de 2022.

3 - Finais com brasileiros já ficaram fora da TV aberta
A final de hoje com o São Paulo não é a primeira da Copa Sul-Americana a ficar sem transmissão em TV aberta envolvendo times brasileiros. No ano passado, a decisão foi 100% nacional, com Athletico-PR levando a taça após vencer o Red Bull Bragantino em jogo que ficou exclusivo da Conmebol TV.

E não foi só a Sula. O pacote que o DAZN comprou para o ciclo 2019-2022, herdado pelo novo PPV, incluía também a exclusividade da Recopa Sul-Americana. O DAZN transmitiu as edições de 2019 (Athletico perdeu para o River Plate) e 2020 (Flamengo venceu o Del Valle), enquanto a Conmebol TV fez sozinha os torneios em 2021 (Palmeiras perdeu para o Defensa y Justicia) e 2022 (Palmeiras venceu o Athletico).

No caso da Recopa, esse cenário continuará igual no próximo ciclo (2023-2026), já que a competição foi colocada como exclusiva da detentora do pacote principal de plataforma paga da Libertadores no mesmo período, no caso a Disney, dona da ESPN e do Star+.

4 - Conmebol ainda tentou "salvar" final com São Paulo
Se no ano passado a final Athletico x Red Bull Bragantino ficou mesmo "escondida" em um PPV que não estava disponível em todas as operadoras (Vivo, Oi e as regionais, por exemplo, nunca puderam oferecer a Conmebol TV em seus planos), para 2022 a Conmebol até tentou furar a exclusividade do canal que leva seu nome para ter a decisão com o São Paulo exibida em TV aberta.

A entidade negociou com o SBT e com a ESPN, donas das próximas finais da Sul-Americana, para mostrar já a edição de 2022. Mas, segundo o site "Notícias da TV", a Claro, uma das integrantes do consórcio responsável pelo PPV, vetou o acordo.

5 - Sinal aberto vai ser "solução" na final de hoje
Apesar de perder o alcance da mídia mais democrática, a TV aberta, a final de hoje na Copa Sul-Americana terá mais visibilidade do que os demais jogos que ficaram exclusivos na Conmebol TV desde 2020. As operadoras que possuem o canal em seus portfólios anunciaram a abertura do sinal para todos os assinantes, mesmo aqueles que não eram clientes especificamente do PPV.



No caso da Claro, a operadora divulgou que vai abrir o sinal da partida na internet, sem custo, por meio de seu aplicativo "Claro tv+". A empresa só exige um cadastro, mas não vai cobrar pela exibição da final. Confira mais detalhes neste outro texto da coluna.

final, Copa Sul-Americana, invisível, TV, anos

VEJA TAMBÉM
- Wellington Rato quer jogar no São Paulo, mas concorrência dificulta negócio
- Jorginho rescinde com Atlético-GO e pode reforçar o São Paulo em 2023
- São Paulo rejeitou atacante em troca de Igor Gomes, diz portal


CONFIRA:Proposta do São Paulo não agrada e artilheiro da Série B fica distante

VEJA TAMBÉM:Especulado em São Paulo e Palmeiras, Mendoza quer salário alto para seguir no Brasil; veja valores

E MAIS:São Paulo quer liberar Pablo Maia no final do ano e tenta convencer clube inglês

Avalie esta notícia: 3 0

Comentários (1)

01/10/2022 12:17:48 Murillo Franco

Que zona... saudades do tempo que era só esperar a novela acabar e ver o tricolor massacrar os adversários na libertadores...

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.
  • + Comentadas Fórum

  • publicidade
  • Fórum

  • Próximo jogo - Paulista

    Sáb - 21:00 - -
    São Paulo
    São Paulo
    Ituano
    Ituano

    Último jogo - Brasileiro

    Dom - 16:00 - de Hailé Pinheiro
    https://media.api-sports.io/football/teams/151.png
    Goiás
    0 4
    X
    São Paulo
    São Paulo
    Calendário Completo
  • publicidade
  • + Lidas

  • publicidade
  • Untitled Document
    Classificação
    1 Palmeiras
    2 Internacional
    3 Fluminense
    4 Corinthians
    5 Flamengo
    6 Atletico Paranaense
    7 Atletico-MG
    8 Fortaleza EC
    9 São Paulo
    10 America Mineiro
    11 Botafogo
    12 Santos
    13 Goiás
    14 RB Bragantino
    15 Coritiba
    16 Cuiaba
    17 Ceará
    18 Atletico Goianiense
    19 Avai
    20 Juventude
    P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
    81 38 23 12 3 66 27 39 VVEVD
    73 38 20 13 5 58 31 27 VDVVV
    70 38 21 7 10 63 41 22 VVVVV
    65 38 18 11 9 44 36 8 EVVED
    62 38 18 8 12 60 39 21 VDDED
    58 38 16 10 12 48 48 0 DVDEV
    58 38 15 13 10 45 37 8 VEDVV
    55 38 15 10 13 46 39 7 VDEVV
    54 38 13 15 10 55 42 13 VEDDV
    53 38 15 8 15 40 40 0 EVVDE
    53 38 15 8 15 41 43 -2 VDVVD
    47 38 12 11 15 44 41 3 DVEDD
    46 38 11 13 14 40 53 -13 EDVDD
    44 38 11 11 16 49 59 -10 DVDDD
    42 38 12 6 20 39 60 -21 DVVED
    41 38 10 11 17 31 42 -11 VVEDV
    37 38 7 16 15 34 41 -7 DDDDV
    36 38 8 12 18 39 57 -18 DDEEE
    35 38 9 8 21 34 60 -26 DDEVV
    22 38 3 13 22 29 69 -40 DDDED
    Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
    vitoria empate derrota
01/12/2022 17:32:05