publicidade

Telê Santana no São Paulo: relembre os números

O dia 21 de abril de 2022 marca 16 anos da morte de Telê Santana, um ícone na história do São Paulo. O comandante das conquistas da Copa Libertadores da América e do Mundial Interclubes de 1992 e 1993 ainda deixa muita saudade em torcedores do clube do Morumbi e até nos amantes do futebol bem jogado. Suas equipes eram conhecidas pela ofensividade.






LEIA TAMBÉM: Promessa do São Paulo desperta interesse de clubes europeus; veja detalhes


Total de jogos
Telê Santana dirigiu o São Paulo em duas oportunidades, por seis meses em 1973 e no início da década de 1990. Foram 198 vitórias, 121 empates e 91 derrotas.

A primeira vez que Telê Santana dirigiu o São Paulo foi em 21 de janeiro de 1973, no empate por 0 a 0 com o Guarani em um amistoso em Campinas. A despedida aconteceu em 27 de janeiro de 1996, também em um empate, contra o Rio Branco, de Americana, pelo Paulistão.

Jogos como mandante
Atuando em casa, o São Paulo de Telê Santana venceu 120 de 181 jogos disputados. No resto das partidas ocorreram 41 empates e apenas 26 derrotas.

Como visitante…
Já como visitante, foram registrados 223 jogos, com 78 vitórias, 80 empates e 65 derrotas.

Maratonas
Os anos de 1992 e 1993 apresentaram uma rotina extremamente cansativa para Telê Santana no comando do São Paulo. Em 92, o treinador esteve em ação em 84 oportunidades pelo clube. Na temporada seguinte, foram 85 partidas trabalhando no time do Morumbi.

Recordes
Telê Santana apresenta marcas expressivas no São Paulo, que seguem como destaque até a atualidade:



Técnico com maior número de títulos oficiais do São Paulo: 10

Técnico com maior número de títulos no geral do São Paulo: 22

Técnico com maior número de jogos em única passagem: 381 (1990-1996)

Técnico com maior número de dias como efetivo do clube: 1935 (1990-1996)

Técnico com maior idade no comando do time do São Paulo: 64,51 anos (1996)

Técnico invicto em jogos de Libertadores no Morumbi/mandante: 15.

Telê Santana, São Paulo

VEJA TAMBÉM
- Vai sair? Titular comenta possibilidade de transferência para o Cruzeiro
- Zubeldía reconhece desempenho ruim, justifica time no banco e revela lesão
- Cuiabá surpreende, vence São Paulo e derruba invencibilidade de Zubeldía


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 13 0

Comentários (9)
22/04/2022 18:09:25 Ederval Jose. Cardoso Vieira

As vezes eu saia do trabalho de manhã e ia até o CT da Barra Funda só pra ver os treinos do velho mestre, não existia estrelismo e nem mi mi mi, o cara era foda.

22/04/2022 06:23:14 Gstv Lz

E pensar que o Rogerio estava no banco do lado dele vendo tudo ..... poderia ter aprendido uns 10 % só, tava bom .....

bronze
22/04/2022 02:54:29 rodrigotm

Bons tempos quando tínhamos o Mestre Telê.

21/04/2022 20:11:08 Jrrossi

E tem uns dementes que querem comparar Abel do Palmeirinhas com Tele.Absurdo

21/04/2022 19:28:27 Valdair Rogério

Aí, avisa lá, fala pro Rogério assistir aos esquemas táticos do Telê, pra ver se ele aprende um pouquinho só, não precisa ser muito não, só um pouquinho,kkkkk!

21/04/2022 18:25:57 Marcio Tada

Tele e Cilinho, epoca de ouro do SPFC

21/04/2022 18:12:54 Sandro Biscaro

Ao Mestre com carinho!!!!!!

21/04/2022 15:36:19 demolidorslade

Lendaaaaa, o mestre é o maior de todos!!! Eu vivi esse São Paulo, eu assisti esses jogos, não todos porque não é como hoje, já jogava o futebol que diz ser moderno na Europa. Engraçado, os europeus aprenderam com ele e nós esquecemos, ficando atrás de técnicos gaúchos retranqueiros.

21/04/2022 14:28:26 Foot Ballbr

Se tivesse vivo estava muito triste com a nossa situação ??

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.