publicidade

Ídolo tricolor, Amoroso relembra histórias de 2005 com Autuori e diz: "Não vim ao São Paulo para fazer amizades"

0 0 0
O São Paulo comemora daqui pouco mais de duas semanas, em 14 de julho, 15 anos de seu tricampeonato na Libertadores da América.* E o caminho para a chegada à final contra o Athletico-PR teve uma semifinal duríssima disputada contra o River Plate, com triunfo por 2 a 0 na ida, no Morumbi, e nova vitória na Argentina, desta vez por 3 a 2 - esta última, por sinal, foi há exata uma década e meia, também em um 29 de junho.

E talvez a conquista não tivesse acontecido se não fosse por uma contratação pontual pouco menos de um mês antes da decisão e que estreou justamente contra os argentinos.



LEIA TAMBÉM: SPFC recebe sondagem de clube italiano por Liziero

Amoroso desembarcou no Morumbi em 18 de maio para usar a camisa 9, vaga por causa da lesão de Grafite - operou o joelho direito após as quartas contra o Tigres-MEX, e a previsão era de seis meses afastado. Já consagrado na Europa, onde foi artilheiro do Campeonato Italiano pela Udinese e repetiu a dose pelo Borussia Dortmund na Alemanha, com direito a título da Bundesliga, o craque tinha 30 anos e estava livre após passagem pelo Málaga.

Em entrevista para o site ESPN.com.br, Amoroso disse que reencontrou muita gente conhecida, com quem havia dividido vestiários na Itália, na seleção brasileira, no Flamengo e também no Guarani. Um em especial: Luizão, seu parceiro desde as categorias de base em Campinas e com quem voltaria a atuar depois de mais de uma década.

"Quando cheguei ao São Paulo, foi infelizmente ou felizmente devido ao Grafite, e isso abriu as portas para que eu pudesse chegar num clube que tinha alguns jogadores amigos, caso do Luizão, que a gente já tinha entrosamento dos tempos de Guarani, o Júnior, no Parma, e Rogério, na seleção brasileira. E outros amigos que tinha, o Marco Aurélio Cunha, no Guarani, e o Roger, como goleiro no Flamengo", lembrou.

O comando era de Paulo Autuori, treinador com quem Amoroso nunca havia trabalhado. Mas o entendimento entre os dois aconteceu logo na primeira conversa, olho no olho, ainda viva na memória do ex-atacante.

"Naquele momento que o Autuori me viu e me chamou na sala, eu disse a ele: 'Professor, não vim fazer amizade, vim para ser campeão. Não estou para brincar. Se estou deixando o futebol europeu, é para ser campeão. Então pode contar comigo que a gente veio para ganhar'. E assim começou a confiança", contou Amoroso.

"A minha chegada foi triunfal, porque acabar substituindo um centroavante que vinha muito bem na competição, com gols importantes, era uma responsabilidade que eu tinha, mas sabia da minha qualidade, do meu potencial, da experiência que tinha nas costas. E poderia dar conta do recado".

E como deu. Amoroso fez quatro partidas memoráveis naquela reta final.



LEIA TAMBÉM: Veja o que os candidatos à presidência do SPFC pensam para o futebol

São Paulo, amoroso, libertadores, 2005, paulo autuori

CONFIRA: São Paulo se prepara para 6 jogos em 18 dias

VEJA: São Paulo repete planejamento da pré-temporada


Luan e Liziero entram na lista de vendas, Paulistão volta em Julho, CBF X DORIA, recorde de Diniz


Avalie esta notícia: 3 0

Comentários (5)

30/06/2020 13:06:50 Arilson Ferreira

Se essa dupla estivesse no ataque ei atropelar o inter mas os dirigentes foram burros

30/06/2020 13:04:15 Arilson Ferreira

Se essa dupla estivesse no ataque ia atropelar o inter mas os dirigentes foram incopetentes

29/06/2020 23:02:31 Samuel Vilar

Amoroso e Luizão ganharam a Libertadores, na reta final. Mas tivemos duplas melhores. Vou citar França e Dodo. Dodo e Aristizábal. E outras que não foram campeões. Estou tirando os ataques dos anos 80 e dos times de Tele Santana. Rsrsr

29/06/2020 20:10:29 Francisco Marcelino Dos

O amoroso não era para ter saído depois dos títulos meu deus foi um grande erro de todos os tempos a dupla Luizão e amoroso era de mais pramim foi a melhor dupla q vir aqui no saopaul mas os dirigentes incompetentes não deixaram os caras ficar

29/06/2020 19:30:28 Joro Cam

Inesquecível com certeza

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.