publicidade

Vai dar zebra na Libertadores?

Veja lista de 'azarões' que derrubaram favoritos no torneio

Zebras: animais brancos, com listras pretas, e não o contrário. Os exemplares da espécie não são iguais e cada uma tem o seu padrão diferente de listras, similares às digitais dos seres humanos. No contato com outros animais ou pessoas, elas são bem selvagens, podendo até morder ou dar coices. No futebol, segundo o dicionário Houaiss, "resultado inesperado numa partida". E elas acontecem aos montes nos estádios mundo afora. Na Copa Libertadores não é diferente.


Muitas equipes consideradas de menor expressão já surpreenderam times favoritos. No maior torneio de clubes da América, zebras bem selvagens começaram a aparecer em meados da década de 80, de listras e cores variáveis nos uniformes, mas com mordidas e coices que entraram para a história.


A viagem no tempo começa no ano de 1985. O regulamento era diferente do que é vistohoje: 5 grupos de 4 times, nos quais somente o vencedor avançava às semifinais. Os felizardos se juntavam ao Independiente, que tinha sido o último campeão, e formavam dois grupos de 3 times. A surpresa ficou por conta dos dois finalistas: Argentinos Jrs., e América de Cali. Foi a primeira decisão entre times que jamais tinham chegado a uma final de Libertadores. Melhor para o time que revelou Maradona: 5 a 4, nos pênaltis.


Quatro anos depois, outra final inusitada: Olímpia contra o Atlético Nacional, da Colômbia. O regulamento já era outro. Em vez do campeão de cada grupo, avançavam três times às oitavas de final, exceto o Nacional, do Uruguai, já classificado para a fase seguinte. O Olímpia, mais tradicional na competição, tirou o Boca Juniors e o Internacional, mas acabou derrotado, nos pênaltis, pelo Atlético, por 5 x 4. Foi o primeiro título de um time colombiano. Outro time deste país só iria ser campeão em 2004, quando o Once Caldas bateu o Boca na decisão. O time foi o carrasco dos brasileiros. O São Paulo e o Santos, de Robinho e Diego, foram eliminados. Era mais uma zebra vencendo na história da Libertadores.



Já em 1994, uma zebra que o torcedor do São Paulo gostaria de esquecer. No Morumbi lotado, o Velez Sarsfield, do folclórico goleiro Jose Luis Chilavert, levaria a melhor na decisão por pênaltis em cima do esquadrão comandado por Telê Santana. Menos mal que, anos depois, o tricolor viria a se consagrar na competição. O mesmo já não se pode dizer do São Caetano. O time, que vinha encantando o Brasil desde 2000, viveu o maior momento de sua história na decisão da Libertadores contra o Olímpia, em 2002. Pena que o time paraguaio levou a melhor: 4 x 2, nos pênaltis, jogando no Pacaembu. Na equipe paulista, comandada por Jair Picerni, jogadores como Adãozinho e Marcos Senna, que foi para a Espanha e atualmente é jogador de seleção espanhola.


A zebra mais recente ainda é fresca na memória dos torcedores do Fluminense. No ano passado, o próprio tricolor das Laranjeiras era considerado zebra contra São Paulo e Boca Juniors, mas passou pelos dois e chegou favorito à decisão contra a LDU, do Equador. Entretanto, o que era para ser a apoteose tricolor no Maracanã, virou um pesadelo depois o goleiro Cevallos defendeu as cobranças de pênalti de Conca, Thiago Neves e Washington. Foi o primeiro título de Libertadores para o futebol equatoriano.


Neste ano de 2009, a situação se repete. Mais uma vez, favoritos e azarões concorrem para ver quem leva o troféu mais cobiçado das Américas. Coices históricos e mordidas de zebras selvagens podem acontecer.

VEJA TAMBÉM
- São Paulo define valor para vender Welington ao Fenerbahçe, de Jorge Jesus, informa jornalista
- Conselho do São Paulo aprova empréstimos que totalizam R$ 25 milhões
- Escalação do São Paulo: elenco encerra preparação para enfrentar a Universidad Católica


SP QUER COMPRAR GABRIEL NEVES; CASARES QUER SOTELDO; VENDA DE GOMES E NESTOR TEM VALOR DEFINIDO JÁ


CONFIRA:Ceni pede e São Paulo retoma as negociações com Soteldo, ex-Santos

VEJA TAMBÉM:Departamento médico do São Paulo: como conflitos internos travam modernização do setor

E MAIS:São Paulo mapeia mercado em busca de goleiro e tem um nome definido, diz jornalista


Avalie esta notícia: 6 3

Comentários (1)

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.
  • publicidade
  • + Comentadas Fórum

  • publicidade
  • Fórum

  • Próximo jogo - Sudamericana

    Qui - 21:30 - San Carlos de Apoquindo -
    U. Catolica
    U. Catolica
    São Paulo
    São Paulo

    Último jogo - Brasileiro

    Dom - 18:00 - Cicero Pompeu de Toledo
    images/icon-spfc.png
    São Paulo
    0 0
    X
    Juventude
    Juventude
    Calendário Completo
  • publicidade
  • + Lidas

  • publicidade
  • Untitled Document
    Classificação
    1 Palmeiras
    2 Corinthians
    3 Atletico Paranaense
    4 Internacional
    5 Atletico-MG
    6 Fluminense
    7 Santos
    8 São Paulo
    9 Flamengo
    10 Botafogo
    11 Avai
    12 RB Bragantino
    13 Atletico Goianiense
    14 Goiás
    15 Ceará
    16 Coritiba
    17 America Mineiro
    18 Cuiaba
    19 Juventude
    20 Fortaleza EC
    P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
    29 14 8 5 1 27 10 17 VVVVE
    26 14 7 5 2 17 10 7 DVEVE
    24 14 7 3 4 17 15 2 VEEVV
    24 14 6 6 2 21 14 7 EVVDV
    24 14 6 6 2 22 16 6 DEEVV
    21 14 6 3 5 16 14 2 VDEVV
    19 14 4 7 3 18 13 5 EEVEE
    19 14 4 7 3 18 15 3 EVDDE
    18 14 5 3 6 16 15 1 DDVDV
    18 14 5 3 6 16 19 -3 DDVVD
    18 14 5 3 6 17 21 -4 DVVDE
    18 14 4 6 4 20 19 1 VEVED
    17 14 4 5 5 16 19 -3 VVDVE
    17 14 4 5 5 14 17 -3 EEDDV
    17 14 3 8 3 14 14 0 VEEEE
    15 14 4 3 7 16 22 -6 EDDDD
    15 14 4 3 7 11 17 -6 DDEDD
    13 14 3 4 7 9 16 -7 VEDED
    11 14 2 5 7 12 24 -12 DDDDE
    10 14 2 4 8 12 19 -7 EEDVD
    Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
    vitoria empate derrota
29/06/2022 23:31:43