publicidade

São Paulo estreia três reforços, mas tropeça contra o Ituano pelo Estadual

O São Paulo teve o domínio em sua primeira partida no Campeonato Paulista-2009, contra o Ituano, no Morumbi, mas errou nas finalizações e acabou empatando por 1 a 1 em sua estreia na competição. Os gols foram marcados por Borges, para o time da casa, enquanto Ricardo Xavier anotou para a equipe do interior.

Para o jogo de estreia no Paulista, o técnico Muricy Ramalho mandou a campo praticamente o time que ganhou o Brasileiro do ano passado. O único "intruso" foi o zagueiro Renato Silva, ex-Botafogo, que substituiu Rodrigo.

Durante o jogo, o treinador da equipe paulistana ainda colocou mais duas contratações do clube para 2009: Wágner Diniz e Arouca, que se movimentaram bastante mas não conseguiram impedir o empate em casa.

Com o tropeço, o São Paulo inicia o Paulista em desvantagem com relação ao rival Palmeiras, que venceu o Santo André por 1 a 0, em Ribeirão Preto, na abertura do torneio, na tarde desta quarta-feira.

O jogo

Entrosada, a equipe da casa iniciou o jogo colocando forte pressão no Ituano, que não ameaçava. Aos 9min, o São Paulo teve sua primeira chance, quando Dagoberto tentou chutar, a bola desviou na zaga e sobrou para Borges, que girou em cima do zagueiro mas acabou chutando fraco.

Três minutos depois, Borges foi fundamental no lance do gol de estreia do São Paulo no Paulista. Joilson passou para o atacante que, na área, deu um toque rápido e achou Hugo sozinho. O jogador apenas desviou do goleiro e abriu o placar.

O time continuou pressionando, sem dar chances à equipe do interior paulista. Jorge Wagner, Hernanes e Jean arriscaram chutes de fora da área e levaram perigo, mas não conseguiram ampliar o marcador.

Quem acabou marcando foi o próprio Ituano, em um lance inusitado. Após cruzamento da direita, aos 36min, Ricardo Xavier cabeceou, a bola bateu no peito de Miranda e enganou Rogério Ceni.

Após o gol de empate, o jogo ficou mais equilibrado. A última chance são-paulina no primeiro tempo foi aos 45min, quando Hernanes chutou de fora da área. O goleiro Alexandre Fávaro fez mais uma bela defesa.

O São Paulo voltou ao segundo tempo promovendo a segunda estreia de seus reforços: Wágner Diniz entrou no lugar de Joilson. Aos 5min da etapa final, Borges recebeu dentro da área e marcou, mas em situação irregular. O gol acabou sendo anulado por impedimento.

A equipe seguiu pressionando, com boas jogadas de Hugo e Dagoberto --que deixou o campo na metade do segundo tempo para Muricy promover a estreia do volante Arouca, ex-Fluminense.

Aos 33min, Miranda cruzou da direita e Hugo acertou uma bela bicicleta, dentro da área. A bola passou bem perto do gol de Alexandre Fávaro, mas acabou indo para fora. Três minutos depois, o time trocou passes, e a bola sobrou para Borges, que ajeitou e chutou com perigo.

Apesar da pressão são-paulina, o Ituano conseguia marcar bem as investidas do rival, e quase passou à frente no placar aos 37min, quando Ricardo Xavier invadiu a área e bateu por cima do gol de Rogério Ceni.

Mesmo levando todo o time ao ataque no final do jogo, o São Paulo não conseguiu marcar o segundo gol e teve de se contentar com o empate em casa.

VEJA TAMBÉM
- Vai sair? Titular comenta possibilidade de transferência para o Cruzeiro
- Zubeldía reconhece desempenho ruim, justifica time no banco e revela lesão
- Cuiabá surpreende, vence São Paulo e derruba invencibilidade de Zubeldía


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 9 10

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.