publicidade

Enfim, São Paulo vence quatro seguidas no BR-08

Vitória contra a Lusa emplaca melhor série de triunfos consecuivos da equipe no Brasileirão deste ano

A dramática vitória contra a Portuguesa no último sábado trouxe mais uma estatística favorável ao São Paulo nesta reta final de Brasileiro. Com os 3 a 2 no Canindé, o clube emplacou pela primeira vez uma série de quatro vitórias consecutivas, feito que só foi alcançado na quarta tentativa.

O primeiro a 'atrapalhar' foi o Cruzeiro, que empatou com o Sampa por 1 a 1 no Mineirão, que quebrou a seqüência de vitórias sobre Atlético-MG, Flamengo e Sport. Depois, o Tricolor venceu o clássico contra o Palmeiras e emendou com triunfos sobre Botafogo e Vitória, mas o Internacional derrubou o Tricolor por 2 a 0 no Beira-Rio e não permitiu que o clube engatasse a quarta marcha.

Então foi a vez do arqui-rival Palmeiras empatar o clássico no Parque Antártica e frear o sonho da 'quadra': Antes do Choque-Rei, o Sampa havia vencido Cruzeiro, Ipatinga e Náutico na seqüência, que marcou a arrancada definitiva rumo ao título. A Portuguesa não teve forças e acabou sendo a quarta vítima seguida do líder, que antes havia batido Vitória, Botafogo e Internacional. Agora a meta é chegar à 'quina' contra o Figueirense no próximo domingo, no Morumbi, e se aproximar mais do hexacampeonato.

A vitória no clássico também aumentou para 14 a seqüência invicta dos paulistas na competição, deixando o time a apenas dois jogos do seu recorde de 16 jogos sem perder, conquistado na campanha do ano passado. A última vez que o Sampa saiu de campo derrotado neste Brasileiro foi no dia 17 de agosto, quando perdeu para o Grêmio por 1 a 0 na abertura do segundo turno.

Embora em ascenção, os jogadores sabem que o São Paulo é agora o time a ser batido e adotam postura de humildade e trabalho duro para buscar o hexacampeonato nacional, o que coroaria uma das arrancadas mais espetaculares de um clube rumo ao título.

- É nesse momento que todo mundo vai falar que somos os favoritos, por isso mesmo temos que ter os pés no chão e manter a humildade. Não podemos bobear e temos que seguir trabalhando firme - resumiu o artilheiro Borges, autor de dois gols no duelo contra a Lusa.

VEJA TAMBÉM
- Quatro treinadores recusaram proposta do São Paulo antes do acerto com Zubeldía
- Jornalista afirma que Muricy vai "ter que engolir" Zubeldía
- Luis Zubeldía é o novo técnico do São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 5 5

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.