publicidade

Ameaça a pendurados não assusta o São Paulo

O técnico Muricy Ramalho pode ter muitos desfalques nesta reta final do Campeonato Brasileiro. Nada menos do que sete titulares do Tricolor estão pendurados com dois cartões amarelos e correm risco de suspensão em caso de nova advertência. Os jogadores admitem o pensamento em relação à ameaça, mas garantem que não diminuem o ritmo na disputa pela bola.

“Temos de ser conscientes em relação a isso e pensamos até a hora de a bola rolar, mas, depois, esquecemos tudo porque, às vezes, somos obrigados a fazer falta. Não tem recomendação do Muricy em relação a isso, mas entendemos que temos de jogar e segurar esses cartões até quando der”, afirmou o zagueiro André Dias, que está entre os jogadores ameaçados.

Além do defensor, os outros titulares pendurados do Tricolor são Rogério Ceni, Rodrigo, Hernanes, Jorge Wagner, Dagoberto e Borges. Já no banco de reservas, André Lima também está com dois amarelos.

Apesar de não estar ameaçado, o volante Zé Luis também fica atento ao assunto, mas, assim como André Dias, avisa que o time não poderá aliviar nos jogos.

“Não podemos ficar pensando nisso. Claro que não é bom tomar cartão bobo porque estamos em um momento decisivo e precisamos de todos. Mas não podemos ficar pensando nisso se tivermos de fazer uma falta. Nosso grupo é forte e não ficamos preocupados com isso”, ponderou.

VEJA TAMBÉM
- Quatro treinadores recusaram proposta do São Paulo antes do acerto com Zubeldía
- Jornalista afirma que Muricy vai "ter que engolir" Zubeldía
- Luis Zubeldía é o novo técnico do São Paulo


Receba em primeira mão as notícias do Tricolor, entre no nosso canal do Whatsapp


Avalie esta notícia: 8 6

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.