por Wender


Plano de ação para o Autuori adotar com o que temos hoje. Choque e recomeço.

Por wenderpeixoto   11/Jul/2013 14:17 563 75,3% 24,7%


O Autuori precisará dar uma mexida no time, se quiser ter resultado. Pode ser já, agora, até porque não temos mais nada a perder na péssima situação que nos encontramos. Faltam muitas coisas ao time. Mas, as soluções precisam surgir dos recursos disponíveis. Vamos ver se o Autuori é bom mesmo, pois não virão contratações. Se ele achava a vida difícil no Vasco, aqui pode ser mais complicada. Afinal, todos estão com vencimentos em dia e são melindrosos. As seguintes ações deverão ser implementadas.

Lateral direita.

Chega de esconder o potencial do Lucas Farias. Ele tem que ser o lateral direito do time. Escalaria o Rodrigo Caio somente no jogo da próxima quarta-feira, para assegurar a marcação no forte lado esquerdo do ataque do SCCP.

Zaga.

Está provado que o Toloi não atua bem pela esquerda da defesa, desde o Goiás foi assim. Atuando pela direita é um zagueiro de nível seleção, e já mostrou isso no São Paulo. Precisa retornar à sua posição. Chega de arrancadas inúteis, desguarnecendo a zaga, que o Lúcio não se cansa de adotar. Rhodolfo não é ruim, está em má fase e com um novo técnico readquirirá a confiança. Muitos não se lembram, mas em 2011 ele segurou a barra como único zagueiro bom que tínhamos e em 2012 praticou bom futebol. Dupla de zaga com Toloi e Rhodolfo.

Lateral esquerda.

É o Clemente Rodriguez, e pronto. O cara foi expulso ontem, porque no Brasil a arbitragem força a pratica do joguinho de maricas, ao contrário do que ocorre na Argentina, América do Sul e Europa. Ele se readaptará e poderia trocar umas ideias com o Sorin (ex lateral que atuou no Brasil).

Meio de campo.

Falta a nós aquele jogador de meio de campo que surpreenda a defesa adversária, chegando à frente. Hoje no elenco o único jogador que reúne potencial para ser um volante com qualidades técnicas (passe e ofensividade, com posicionamento) é o João Shmidt. Deve apostar nele sem medo, pois é um ótimo jogador.

Falta-nos também aquele primeiro volante que tanto almejamos, o pit bull. O primeiro volante, ai vem uma surpresa, vou fazer questão de colocar aqui a opinião de um amigo. "Lúcio marca, tem boa estatura para bolas aéreas, posicionamento, antecipações, não é tão lento, e poderia, nesta posição, até arrancar algumas vezes sem causar tantos prejuízos". O Felipão já fez isso no ano passado, utilizando o zagueiro Henrique como primeiro volante, dando muito certo na Copa do Brasil pela SEP. Ótima, excelente ideia a meu ver. Ele também poderia compor a zaga como terceiro zagueiro atuando na intermediária.

A quem não confia no João Shmidt, o Rodrigo Caio poderia fazer, com segurança, a dupla de volantes com o Lúcio. Aliás, o Rodrigo Caio é ótima opção para a lateral direita, já mostrou isso. O Denílson é bom, gosto do futebol dele, mas o Rodrigo Caio vem jogando bem. Temos esses dois, pois o Wellington marca parecendo caipira cercando frango.

O Ganso não pode ser reserva desse time. Ruim com ele, pior sem. Contra o Santos, vimos como o São Paulo perdeu o meio de campo, quando ele saiu. Ontem foi a mesma coisa no Morumbi. Apesar de não estar no nível que almejamos, ele cadencia, distribui, destrava o jogo. Essa história de jogar com três atacantes morreu, chega dessa insistência. Que bom que o Autuori não gosta desse sistema. A duplas de meias é Jadson e Ganso.

Ataque.

O Luís Fabiano deu mais uma mancada ontem. Mais uma mancada em momento crítico. O M1TO não quis dizer, mas já tem alguns blogueiros garantindo que ele ficou p da vida com a expulsão.
Está na hora de um banco de reservas para o jogador mais indisciplinado e irresponsável do time.

O Osvaldo tem jogado sozinho. Ninguém se aproxima dele para tabelar, trocar passes, ajudar na desmarcação. Ao partir com a bola dominada, ele se vê cercado por dois, até três jogadores adversários. Um dos problemas de ser convocado para a seleção é esse, pois o jogador fica visado e manjado pelos oponentes. Então, o ataque deve ser Osvaldo e Aloísio, que vem merecendo a titularidade a tempos.

Penso diferente da maioria quanto ao Ademílson. Esse jogador tem muito potencial. Não critiquem o garoto por causa daquele jogo na Libertadores, pois ele entrou em uma partida de altíssima tensão. Um jogador reserva do reserva que fez sete gols pelo profissional em 2012, não é mané. Ele deve ser a opção imediata para entrar no segundo tempo, pois tem velocidade, presença de área e finalização. Está a altura de um suplente para a etapa final no atual momento.

Soberanos tricolores, talvez seja muita ousadia apostar na molecada. Entretanto, falta energia e empenho aos jogadores mais experientes do nosso time, aos "medalhões". Os caras estão andando em campo. Precisamos dar uma chacoalhada. Tem que haver mais gás, vontade. A chance dada à molecada reacenderá a disputa e a concorrência dentro do elenco, trazendo motivação aos acomodados.

Estamos sugerindo os mesmos remédios receitados em 2009, querendo alguns jogadores no banco e dar chance a alguns novatos da base. Estamos sim, porém, quero lembrar que em 2009 o time quase venceu o campeonato brasileiro, terminando na terceira posição a dois pontos do campeão. Nova gestão com profissionalização e contratações? Esqueçam, somente em 2014.

O Autuori precisa causar um choque no elenco aproveitando o início dos trabalhos, dando chance a essa molecada para mostrar valor como titular. É um técnico decadente, seu auge foi entre 1994 e 2005. Entretanto, temos que apoia-lo agora, esquecendo o Muricy. Ele tem o seu valor e história no clube. Espero que a tropa do Juvenal (TTI) não infernize a vida do novo técnico, por causa do desejo não atendido (Muricy).


Para concluir, não poderia deixar passar. Novamente o time que eliminou o São Paulo é abençoado com uma final de Libertadores. Foi assim em 2007, 2008, 2009, 2010 e 2013.


Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!.

Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.