por Wender


A história do time do governo e dos travecos.

Por wenderpeixoto   19/Fev/2013 02:07 1254 80,5% 19,5%


Segue alguns fatos e acontecimentos históricos que envergonham um clube carcterizado por bandidagem, corrupção e quadrilhagem. São fatos que mostram um favorecimento histórico governamental. Acontecimentos que envolve muitas pessoas do clube em escandalos sexuais, sendo jogadores ou dirigentes, inclusive com praticas de pedofilia nas categorias de base. Inúmeros jogadores envolvidos em polêmicas escabrosas. Alguns elementos que evidenciam um clube com dirigentes mais investigados da história pelas insituições judiciais e policiais. E como não poderia deixar de ter, casos históricos de favorecimento do apito por interesses das instituições esportivas mais interessadas. Boa leitura.

 

- 1910: São fundados com nome inspirado no time inglês Corinthian Casuals (a matriz) que usa uniforme cor de rosa e chocolate até hoje. O time inglês disputa atualmente a 8º divisão da Inglaterra. Na origem do nome nota-se a falta de originalidade.

- 1910: O primeiro presidente foi um alfaiate (!).

- 1910: O primeiro uniforme era rosa em alusão ao time inglês. Dizem até hoje que era bege. Há uma réplica do uniforme do time inglês no Memorial do Parque São Jorge.

- 1910: A primeira sede foi um salão de cabeleireiros (!). Antigamente chamavam de barbearia. Atualmente, no mesmo endereço, há um movimentado centro de compras feminino.

- 1910: Desde a fundação já usaram oito tipos de escudos diferentes. Uma histórica falta de convicção, tradição e originalidade quanto ao símbolo que representa o clube. A "nação" que troca de bandeira toda hora. O escudo sofreu tantas alterações que hoje uns dizem parecer com despertador antigo, outros afirmam que lembra uma chupeta.

- 1910: A primeira definição popular conhecida do time foi “galo brigador do bom retiro”.

- 1913: Por imposição do presidente e da diretoria, trocam o uniforme rosa, contra a vontade da sua torcida, pelo bege para não distanciar muito a cor da camisa mãe do clube. Até hoje dizem que a primeira camisa foi bege tentando apagar sua história.

- 1913: Perdeu em primeira partida oficial disputada por 3×1 para o Germânia (atual Pinheiros).

- 1914: Por discordarem da administração alguns sócios, dirigentes e jogadores se rebelam e abandonam o clube. Por causa de dividas o clube deixou de ser elitizado e se popularizou. Os rebeldes fundam outro clube rival. Isto causou a dissenção e o racha. A história da traíragem é conhecida.

- 1915: O Corinthians faliu. Resolveu abandonar a Liga Paulista para tentar participar do Campeonato promovido pela APEA. Não obteve êxito. Quando tentou retornar à Liga não foi aceito, desta maneira o Clube apenas participou de amistosos implorados neste ano. Tal fato contribuiu para dificuldades financeiras, o que ocasionou inclusive o embargo da sede do clube. O proprietário do local fechou as portas com todos os bens do Corinthians dentro e o clube era ameaçado por cobradores de penhor. Deram o clube como falido, só que retornaram as suas atividades normais ano seguinte sorrateiramente, mudando até o escudo e dando calote.

- 1916: O Estádio da Ponte Grande foi a primeira casa do Clube. O local ficava próximo da Ponte das Bandeiras, onde hoje está localizado o Clube de Regatas Tietê. A área foi concedida ao clube pela prefeitura de São Paulo por intermédio do político Alcântara Machado. Machado atuou a favor do clube para que o terreno fosse transformado em uma praça de esportes. A aquisição do terreno foi o primeiro favorecimento publico.

- 1928: Foi campeão por W.O sobre a Portuguesa. Após claro gol irregular de Gambinha, a Lusa não quis prosseguir no jogo, que terminou antes do fim. Era o inicio do apito amigo.

- 1933: Sofrem três goleadas históricas no paulistinha para os três rivais da capital: 0×6 Santos, 1×6 São Paulo, 0×8 Palmeiras. Resultado, a sede foi invadida, atearam fogo e toda a diretoria se demitiu.

- 1938: Com gol claro de mão de Carlitos, são favorecidos e ganham o Campeonato Paulista contra o São Paulo.

- 1948: O Palmeiras vence por 6×0. Detalhe, na história dos confrontos, perde por 5×2 em jogos de grandes goleadas (de quatro gols ou mais).

- 1956: Receberam 10 milhões de cruzeiros da prefeitura como incentivo para construção do seu estádio. O projeto de Lei 5066, de 22 de outubro de 1956 beneficiou o clube, assim como São Paulo e Palmeiras. Gastaram todo o dinheiro e até hoje não possuem estádio de sua propriedade.

- 1957: Após perder o Paulista para o São Paulo a torcida enche o Pacaembu de garrafas, no episódio conhecido como “Jogo das Garrafadas I”.

- 1961: É motivo de chacota dos rivais e chamados de “faz me rir” por perder sete partidas em 11 no paulistinha.

- 1966: “Conquistam” o Rio-SP dividindo-o com mais 3 clubes.

- 1968: Completam 11 anos de freguesia sem vencer o Santos. Recorde.

- 1971: O Clube viajou à Europa para jogar um amistoso (dizem que foi em razão do aniversario do clube). Jogou contra Barbara o FK da Noruega (que já faliu). O time havia saído campeão aqui no Brasil, mas perdeu por 12x0 (doze a zero!) para o time local da 4º divisão (quarta divisão!). Vergonha nacional lá fora, após o Brasil ter sido Trimundial.

- 1974: Após perderem o Campeonato Paulista para seu arqui-rival Palmeiras, a torcida resolve expulsar do clube o maior jogador de sua história: Rivellino. O jogador vai defender o Fluminense e, por coincidência ou destino, seu primeiro jogo pelo time carioca é contra o mesmo Corinthians. Ao entrar em campo, uma faixa levada ao Maracanã pelos corintianos com os dizeres: “A Fiel já esqueceu o Ruinzinho do Parque”. Rivellino sai de campo com 3 gols marcados na vitória de 4 a 1 do Fluminense sobre o Corinthians, que já ostentava 20 anos de fila.

- 1977: Final do Paulista contra a Ponte Preta. O artilheiro ponte pretano Ruy Rei, comprado, sem motivo nenhum dá um pontapé num zagueiro corinthiano, e xinga o arbitro até ser expulso no começo do jogo. Corinthians Campeão saindo da fila de 23 anos (No Paulista!). Misteriosamente, logo depois, Ruy Rei anuncia acerto de contrato com o time favorecido.

- 1977: No jogo contra a Ponte Preta batem recorde de publico em jogo no estádio do Morumbi com 146.000 pessoas, comprovado. Detalhe, a capacidade máxima do estádio era de 120.000 torcedores. Os 26.000 travecos a mais somente caberiam sentando no colo dos demais. O maior público já registrado no Morumbi foi de 163.000 pessoas (43.000 no campo e entorno) em 1985 quando houve um congresso evangélico. Todos os demais maiores públicos em jogos teve média de 120.000 torcedores (capacidade máxima do estádio).

- 1978: A prefeitura cede um terreno público em Itaquera para a construção de seu estádio. A entrega foi feita no parque São Jorge pelo general Ernesto Geisel, que presidia o Brasil, em ato populista na época da ditadura. É o mesmo terreno público onde está sendo erguido o Itravecão. Não é de hoje que o poder público se encarrega de suprir a incompetência administrativa do clube em nome do time do “povão”.

- 1982: Depois de fazer campanha pífia no Campeonato Paulista de 1981, é obrigado a disputar a Taça de Prata do Campeonato Brasileiro de 1982, correspondente a Segunda Divisão do Torneio.

- 1987: Terminam a Copa União em último lugar (16º lugar) e só não é rebaixado pois a mesma havia sido organizada pelo Clube dos 13, e não pela CBF.

- 1988: A torcida Gaviões entoa o nome do Palmeiras no estádio. O Corinthians precisava vencer o Santos para chegar à final do Paulista, mas torcendo também para que o Palmeiras vencesse o São Paulo no outro jogo. Vencendo por 2×0, os corinthianos viram o placar eletrônico mostrar que o Palmeiras havia vencido o São Paulo por 1×0 e o locutor anunciou o resultado. Imediatamente começaram a entoar no Pacaembú o nome do rival Palmeiras.

- 1988: Realiza jogo amistoso no Pacaembu contra o clube inspirador da fundação que usa uniforme cor de rosa/chocolate, Corinthian Casuals. Ao final do jogo trocam camisas.

- 1990: Ganham primeiro titulo nacional. Após 80 anos de fundação. Inédito, mas vergonha para quem diz ser grande.

- 1991: Revoltados por terem perdido de 2 a 0 para o Flamengo em pleno Pacaembu, pela Libertadores, resolvem encher o campo do Pacaembu de garrafas, no episódio denominado “Jogo das Garrafadas II”.

- 1993: Viola imita um porco ao fazer o gol da vitória no primeiro jogo contra o Palmeiras na final do Campeonato Paulista. No jogo de volta, um sonoro 4 a 0 dá o título ao Palmeiras.

- 1994: Globo denuncia no Jornal Nacional o “Esquema Ives Mendes” de arbitragem, envolvendo os dirigentes Mário Celso Petraglia, do Atlético/PR, e Alberto Dualib. O esquema culminou no banimento de Ives Mendes do futebol e no rebaixamento do Atlético Paranaense para a segunda divisão. Ao Corinthians, misteriosamente, nada foi aplicado. Mas moralmente foi rebaixado.

- 1994: Com o time principal e jogadores como Casa Grande, Ronaldo, Branco, Viola, Biro Biro, perdem a Copa Conmebol para o time júnior do São Paulo.

- 1996: A prefeitura de São Paulo cede uma área pública de 18,4 mil metros quadrados ao clube para ser usada como estacionamento de sócios no entorno do parque São Jorge. O local é a Avenida Elisabeth de Robiano (absurdo!). Nunca pagaram aluguel à prefeitura pelo uso do local. A prefeitura entrou com ação de reintegração de posse, mas o clube contesta a ação na justiça.

- 1997: Recorde de 16 partidas seguidas sem vencer ninguém no campeonato brasileiro. Recorde de vencibilidade.

- 1998: Jogo do Castrili. Arbitro argentino rouba descaradamente a Portuguesa na semifinal do Paulista anulando 2 gols legítimos da Lusa e marcando um pênalti de mão que não existiu. Desclassificou a Portuguesa.

- 1999: Revista direcionada ao publico gay divulga ensaios com dois jogadores do Corinthians (Vampeta e Dinei seguidamente). O Corinthians é pioneiro nesse quesito.

- 1999: Jogadores do Corinthians, irritados por serem eliminados da Libertadores pelo Palmeiras à um mês, resolvem iniciar uma briga generalizada na final do Paulista, no Morumbi contra o próprio Palmeiras que havia sido campeão da Libertadores. A confusão foi iniciada pelo jogador Edilson que provocou, mas saiu correndo para não apanhar dos palmeirenses.

- 1999: Após o banco Excel falir na parceria que fazia com o time, dá um novo golpe. Fecharam parceria com a Hicks Muse. O parceiro americano ingenuamente colocou R$ 100 milhões no clube e contratou diversos jogadores no inicio. O contrato era de 10 anos, mas após 3 anos houve o rompimento após vários desacordos com o Clube. Ficou famosa a frase que Dualib disse ao seu vice e companheiro, Nesi Curi. "A gente traz os investidores estrangeiros e depois dá um bico neles e fica com o dinheiro".

- 2000: É convidado, misteriosamente, a participar de um Torneio denominado “Mundial de Clubes”, aqui no Brasil. Detalhes interessantes: o Corinthians não era campeão continental e o patrocinador do Torneio, Traffic, era um dos parceiros do Corinthians. Coincidentemente, só passou de fase por um gol marcado do zagueiro Fabio Luciano que não entrou 20cm. O arbitro validou o gol contra decisão do bandeirinha. Ao vencer a competição, a própria FIFA enviou fax chancelando o título após sete anos em 2007.

- 2000: Sofre uma sequência de 10 derrotas seguidas e é desafiado para um amistoso pelo Íbis, conhecido como “o pior time do mundo” naquele ano. AMARELOU para o desafio! Terminou a Copa João Havelange em último e não caiu porque o torneio não foi organizado pela CBF.

- 2001: Jogadores consomem cocaína nas categorias Juvenil e Juniores. A Placar fez uma denúncia em Março de 2001 apontando e testemunhando até trafico de drogas. Em 2000 ganharam praticamente tudo, de forma mais que suspeita. Afastaram sete jogadores depois. Não houve pronunciamento ou explicação. O Clube possui atualmente oito títulos na Copa São Paulo de Futebol Junior.

- 2002: Vários erros de arbitragem a favor no primeiro jogo do Morumbi, com arbitragem de Carlos Eugênio Simon, na final da Copa do Brasil. São campeões contra o Brasiliense.

- 2003: Fazendinha e a sede do Clube são penhoradas devido a uma ação trabalhista, movida pelo atacante Luizão, ídolo no clube que não recebeu vencimentos.

- 2003: O técnico Junior fica somente uma semana no clube após ser contratado. Pede demissão ao perder clássico. Mais um recorde.

- 2003: São vergonhosamente goleados pelo Juventude de Caxias! 22º colocado! Por 6×1 no campeonato brasileiro!

- 2004: Após campanha pífia no Campeonato Paulista, só não é rebaixado, pois o São Paulo vence o Juventus da Rua Javari na última rodada com gol de Grafite.

- 2004: Com dívidas em bancos, empréstimos a vencer, protestos em cartórios e salários atrasados, os dirigentes do clube não veem saída para salvar o clube da falência. Associam-se a Kia Joorabchian (investigado pela Interpol) e sua empresa MSI. Tem inicio os escândalos de lavagem de dinheiro, máfia russa e crimes financeiros.

- 2005: Pesquisa informal do programa Mesa Redonda da TV Gazeta aponta que 45% do publico na parada GLS são corintianos. Um dos travestis corintianos entrevistados fundou informalmente a torcida organizada Pandora da Fiel (está no Youtube).

- 2005: Conquistam o campeonato brasileiro após 11 jogos anulados que o favoreceram claramente. Pedidos de desculpas de Márcio Rezende após erro vital no jogo contra o Inter no Pacaembu em um pênalti absurdo não marcado. Esse foi o Zveitão 2005 vencido escandalosamente. Melhor resumir o texto e parar aqui.

- 2006: Efetivou Ademar Braga, reconhecidamente viado homossexual, como seu técnico.

- 2006: São rebaixados no carnaval de São Paulo após ficar em último na classificação das escolas de samba.

- 2006: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2006: A torcida estoura o alambrado e tenta invadir o campo do Pacaembu após vergonhosa eliminação da Libertadores pelo River Plate, mas afinam pra uma dúzia de PM’s.

- 2006: Queda do 14º técnico demitido na história em clássicos contra o São Paulo, após derrota. Recorde.

- 2006: Ameaçam, xingam Tevez (argentino que jogava muito pelos Travecos, foi ídolo), chegaram a chutar o carro do jogador e ele teve que fugir. Após o episódio ele abandona o time e vai para um clube e torcida mais civilizados na Europa.

- 2006: Contratam o goleiro Bruno (o mesmo que está preso por assassinato e foi namorado do Macarrão). Ele ficou 20 dias no clube e pediu dispensa.

- 2007: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2007: Dualib ex-presidente admite que o titulo de 2005 foi ganho com esquema fraudulento. A CBF não fez nada.

- 2007: Policia apreende documentos na sede para investigar sonegação e emissão de notas frias no clube.

- 2007: Operação abafa CPI do Corinthians. Após virar alvo do Congresso e Senado no requerimento de criação da CPI do Corinthians, a CBF faz lobby por apoio politico e financeiro para esquecerem o caso. No total 75 deputados e 4 senadores voltaram atrás. Alegaram que sofreram forte pressão dos estados e CBF, porque o Brasil perderia a Copa do Mundo devido ao escândalo que atingiria muitas pessoas e instituições. A CPI foi engavetada.

- 2007: A revelação Willian (vendido depois para o Shakhtar) declarou que o Diretor da base levava os moleques para um sítio de Indaiatuba em mais um caso de pedofilia no futebol. Afirmou ao Lancenet “todo mundo sabe o que acontecia lá”.

- 2007: No final do ano já são cinco denuncias de pedofilia nas categorias de base com descrição de aliciamentos por parte de seis funcionários gestores. Com uma conduta dessas na base só poderia ser o time dos travecos desde a categoria fraldinha até o profissional. Vergonha repugnante!

- 2007: Ministério Publico investiga Alberto Dualib ex presidente por transferir bens ao Uruguai para evitar penhora da Justiça.

- 2007: São rebaixados para a série B do campeonato Brasileiro.

- 2008: Após Ronaldo se envolver com alguns travestis, é contratado como ídolo pelo time dos Travecos.

- 2008: Encerram parceria com a MSI após 4 anos. A divida do clube aumentou R$ 83,3 milhões.

- 2008: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2008: Efetivam a camisa roxa, remetendo ao primeiro ano de história quando usaram camisa rosa. A Nike lançou a “puple T shirt” até fora do Brasil.

- 2009: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2009: O vice-presidente Roque Citadini é investigado pela policia federal por recebimento de propina da Camargo Corrêa. Ele é conselheiro do Tribunal de Contas de São Paulo.

- 2009: Vaza na internet um filme pornô intitulado corintiano-chupador, contendo cenas entre homens. Nem vale a pena comentar, dizem que o marketing corintiano abrange a todos.

- 2009: Vencem a Copa do Brasil mais roubada da história. Os árbitros prejudicaram o Intumbiara (pênalti inexistente), Vasco da Gama (pênalti do Chicão não dado), Atletico Paranaense (dois pênaltis inexistentes) e Internacional (pênalti não marcado). Foi divulgado até um DVD inédito.

- 2009: São expulsos do Mundial Interclubes Sub-18, na Espanha. Após estar perdendo por 3×0 para o Real Madrid os travequinhos iniciaram uma briga generalizada, se dizendo humilhados pelos jogadores do Real. Estão suspensos da competição por cinco anos. Vergonha para o Brasil.

- 2010: Tiveram a Luz cortada pela Eletropaulo por falta de pagamento.

- 2010: Na comemoração do centenário a torcida foi ao bairro Bom Retiro e invadiu o local onde o cube foi fundado. Curiosamente o local, atualmente, é um movimentado centro de compras feminino (em 1910 era uma barbearia ou cabeleireiro). Além dos torcedores, compareceram Luis Rosenberg, Neto e Andrés Sanchez. Noticia retirada do site rede poderoso timão. Piada pronta.

- 2010: O Corinthian Casuals, time da 8º divisão inglesa, desmarca amistoso firmado com o Corinthians alegando falta de patrocínio. O jogo faria parte da celebração do centenário do clube paulista. Até o Corinthian inglês também é piada.

- 2010: Ano do centenário, vira chacota de todos os rivais e alvo de peça publicitária inédita. 100 tenário, 100 estádio, 100 títulos, 100 caráter, 100 arbitragem honesta, 100 gols do Ceni, 100 CT, 100 respeito, 100 Libertadores, 100 tenada. 100 amistoso também, todos os times convidados (Barcelona, Real Madrid e outros) recusaram para jogar contra o Corinthians.

- 2010: Ao contratar o técnico Tite, atingem a marca de 16 técnicos em dez anos. Um recorde negativo. Incompetência histórica que só se vê na série B e C.

- 2010: Destroem tudo inconformados com a classificação pífia no Carnaval 2010. No sambódromo passou a destruir o local, quebrando cadeiras, agredindo jurados, depredando tudo o que viam pela frente.

- 2010: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2010: No total, 1437 pessoas assistiram ao filme “Todo Poderoso – 100 anos de Timão”. Fiasco retumbante. O Filme recebeu R$ 2,2 milhões do governo federal através do Ministério da Cultura para ser produzido.

- 2010: O arbitro FIFA Gutemberg de Paula Fonseca denuncia esquema de favorecimento ao Corinthians no campeonato brasileiro de 2010. No jogo contra o Goiás ganho por 5×1 recebeu ligação do Presidente comissão de arbitragem Sergio Correa: “boa sorte, é jogo do timão ein”. Nota: naquele campeonato, houve sete “erros” decisivos que deram a liderança (mesmo assim conseguiram perder!).

- 2011: São vexatoriamente eliminados pelo desconhecido Tolima na fase de Pré Libertadores. Acontecimento histórico do toliminado, Tolimaday.

- 2011: Tomam o 100º gol de um goleiro (Rogério Ceni) em cobrança de falta.

- 2011: Todos os times convidados para jogarem o amistoso comemorativo do centenário recusam o convite. Barcelona, Real Madrid e outros não toparam.

- 2011: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2011: A Justiça investiga irregularidades e fraudes do presidente Andrés Sanchez. Acusação de empresas fantasmas com negócios com laranjas.

- 2011: O diretor de marketing Luis Rosenberg quis aloprar dizendo que o canal de tv fechado For Man era do São Paulo. Após a declaração, o presidente do comitê GLS repudiou, criticando o uso desse assunto como piada e reconhecendo ser corintiano. Por Érico Santos “Ele representa uma grande equipe de futebol e deve pensar antes de falar. Eu sou corintiano, torço pelo Corinthians e fiquei triste”.

- 2011: Rede de Televisão CNN em seu portal o chama de small club (pequeno clube de São Paulo).

- 2011: Após mais de cem projetos e maquetes, tem inicio a construção do Itravecão em um terreno público, com ajuda do governo federal, estadual, municipal e 75% de dinheiro público. O estádio é de propriedade de um fundo imobiliário que ficará com as receitas do estádio por 30 anos.

- 2011: Alexandre Frota, jogador do time de futebol americano do Corinthians desde 2010 concede entrevista a um repórter falando sobre o filme pornô realizado com um travesti ” Tem muito homem que é louco por uma travesti, mas fica dentro do armário. Eu não. Eu fui lá, fiz o filme”. Não é coincidência que quando há envolvimento de jogador com travestis, o Shemale Club Corinthians Paulista contrata.

- 2012: Anuncia patrocínio com a fabricante de camisinhas masculinas Jontex. Foi o primeiro clube com patrocínio desse tipo. Detalhe: patrocínio nas costas.

- 2012: O ex-jogador Fabinho (Fabio Fontes) é preso por abusar de uma criança de cinco anos. Na confissão à policia ele afirmou que seu desvio de conduta se originou nos vários abusos que sofreu nas categorias de base Terrão dos Travecos em 1990. Vergonha repugnante!

- 2012: Destroem tudo inconformados com a classificação pífia no Carnaval 2012, no sambódromo, passou a destruir o local, colocando fogo em carros alegóricos, depredando tudo o que via pela frente na Marginal Tietê (marcha dos travecos na marginal Tietê).

- 2012: Elimina o numero 24 do uniforme por natureza de questão sexual duvidosa.

- 2012: A TV Corinthians, que todos os corintianos se gabavam de ser o único clube com canal de TV, fale e fecha. A Band (já teria assumido) e o Esporte Interativo, dois canais corintianos, brigam para assumir o canal. Explicado, porque programação da Band dedica 2 horas diárias de espaço ao Corinthians.

- 2012: Andrés Sanchez envolvido em mais uma investigação. A Policia Federal encontra ligações com o chefe de quadrilha na operação Porto Seguro. Ao todo ele possui mais de seis denuncias e investigações da Justiça, Policia Civil e Policia Federal. No clube ele é conhecido como “tachinha” por cobrar participação em todas as negociações de jogadores. A torcida o considera o maior presidente da história do Clube. É o presidente de clube mais investigado da história, mas amigo do Lula.

- 2012: Vencem com larga vantagem maioria na parada GLS da av. Paulista.

- 2012: Em dez anos, na última década, tiveram 14 goleiros, a maioria frangueiros. Incompetência assim só se vê na série B e C.

- 2012: Após mais de 100 anos conquistam o primeiro titulo internacional de verdade e atravessa o oceano Atlântico, aleluia.

- 2012: O clube é avaliado como uma marca de mais de R$ 1 bilhão de reais. A noticia surpreende e causa impacto, a mídia fica louca, o assunto é manchete em todos os jornais e portais. Depois a farsa foi descoberta. A empresa que “avaliou” o clube é do próprio diretor financeiro do Clube. A BDO/RCS tem como seu proprietário o diretor financeiro do Corinthians, Raul Corrêa da Silva.

- 2012: Ao receber a taça da Libertadores, derrubam e quebram-na. Ainda depois do ocorrido convidam o ex-presidente Lula para apreciar a gafe e ver o sinistro. Depois devolvem a taça remendada para a Conmebol. Vem aí mais uma maldição?

- 2012: Após ficarem sete meses sem conseguir patrocínio o Corinthians recorre a Lula, que se compromete com a Diretoria em ajudar ao término das eleições. Após as eleições municipais terminarem o ex-presidente se mobiliza e consegue acordo com o banco estatal Caixa Econômica Federal (saiu na Veja e em todos os portais). Com suas influencias o ex-presidente alcança patrocínio de R$ 30 milhões/ano com dinheiro público/privado ao clube.

- 2013: Tentam diminuir a todo custo o valor das conquistas mundiais do futebol brasileiro anteriores a 2005, ano que a FIFA estabeleceu o mundial de clubes anualmente, utilizando o site da FIFA como argumento e alegando que somente a partir de 2005 clubes de todos os continentes participam. Chamam as competições anteriores de copa do Jipe devido ao melhor jogador da competição receber prêmio do patrocinador. Informações que eles não sabem: A Liga dos Campeões da África (competição da CAF) iniciou somente em 1997 devido a problemas políticos nos países africanos. Além disso, a competição Liga dos Campeões da Ásia (AFC) começou a valer de forma organizada em 1986, mas o formato atual foi definido somente em 2006. Está explicado porque não poderia haver mundial FIFA anteriormente com todos os continentes, porque na África, Ásia e Oceania os torneios continentais são recentes e o futebol era incipiente. Mas a própria FIFA afirma em artigos, revistas publicadas e paginas dos clubes no site dela que os clubes campeões intercontinentais são campeões mundiais. O mundial de clubes continua sendo Toyota e o melhor jogador continua recebendo o “jipe”.

- 2013: Recebem R$ 41,2 milhões de dinheiro público do governo federal para construírem o CT de formação das categorias de base.

- 2013: Começam o ano batendo recorde de pior audiência da história já registrada em transmissão de futebol aos domingos na partida contra o Paulista. O IBOPE do jogo deles transmitido pela TV Globo marcou 11 pontos.

- 2013: Estoura o maior escândalo dos estádios da Copa. Estão dando calote na Odebrecht e não estão pagando a construção do itravecão.

- 2013: Em jogo na Bolívia pela Libertadores contra o San José, torcedor corintiano atira um sinalizador naval matando uma criança boliviana no estádio. O artefato mortífero foi intencionalmente direcionado, causando a tragédia.

# time do governo

# time da imprensa

# time do apito

Sem moral nenhuma para aloprar qualquer rival.




Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!.

Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.